Autenticação do Usuário
E-mail
Senha
Esqueci minha senha

Ainda não tem seu Perfil Jurid??
Cadastre-se
Jornal Jurid
pesquisa

Sábado, 26 de Julho de 2014 | ISSN 1980-4288


Uso de armas por policiais sofre restrições

Principais alterações são o fim dos chamados tiros de advertência e a proibição de que policiais atirem em carros que furarem blitze e em pessoas que estejam fugindo da polícia

Fonte | DFTV- Globo - Terça Feira, 04 de Janeiro de 2011





Foi publicada nesta segunda-feira (3) no Diário Oficial da União uma portaria que regula o uso da força por policiais civis, militares e federais. As principais alterações são o fim dos chamados tiros de advertência e a proibição de que policiais atirem em carros que furarem blitze e em pessoas que estejam fugindo da polícia.


O documento também determina que os policiais não apontem armas para cidadãos durante abordagens nas ruas. Os disparos só serão tolerados, segundo o governo, se houver ameaça real de lesão ou morte.


A portaria foi feita em conjunto pelo Ministério da Justiça e a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República. As polícias de todo o país terão três meses para se adequar às regras.



Palavras-chave | arma, policiais, portaria, ministério da justiça, regras, adequação

Comentários

comentário Jesiel - advogado | 05/01/2011 às 07:26 | Responder a este comentário

Nada havia para ser regulamentado, pois não existe autorização para os policiais efetuarem tiro de advertência, atirar em carros que furam blitzem e em pessoas que estejam fugindo da polícia.
Tais situações já caracterizavam crimes. A primeira, ao menos pelo abuso da autoridade e as demais pelo tipo do art. 121.

réplica

comentário Lucas Maltro - policial civil | 07/01/2011 às 00:07 | Responder a este comentário

Otimo vamos tirar as armas de todos os policiais... vamos regulamentar a fuga da policia..... e deixá-los livres, pois, com efeito, porque alguem foge da policia??

réplica

comentário Mateus j - militar | 07/01/2011 às 15:22 | Responder a este comentário

Eu gostaria de ver o "Doutor" Jesiel trabalhando sem seu CP e CPP para resolver os seus casos. Agora temos que esperar a agressão para milesimos segundos depois, em pensamento, pois nossos corpos provavelmente já terá sido atropelado ou, ainda melhor, tomado um tiro, para reagir.

réplica

comentário Alberto (Policial Civil - RJ) - Policial Civil - RJ | 17/01/2011 às 22:31 | Responder a este comentário

Sugiro a todos que antes de qualquer comentário ... procurem na Internet o texto "Ovelhas, lobos e cães pastores escrito pelo Ten. Cel Ranger Dave Grossman. É fácil julgar, longe do calor dos acontecimentos. Eu gostaria apenas de ver alguns que aqui puderam expor livremente seus pensamentos, terem "raça" e "coragem" para agirem no estrito cumprimento do dever legal, sabendo que face a algumas opiniões de pessoas que "julgam" longe do calor dos acontecimentos, podem deixar suas famílias desamparadas. E mais ... poucos são os que realmente demonstram a diferença entre homem e criança, e vencendo seus meios, combatem sabendo que a sociedade (visivelmente) pensa diferente.

réplica

comentário deivison da costa queiroz - sua profissão | 13/04/2013 às 20:53 | Responder a este comentário

eu acho que vc esta louco ão diser que todos os policiais terão que ficar sem armas eles estão certos ão atirar em quem foge da policia pois quem foge aumenta a suspeita de que fez algo de errado eos que usão os carros pra correr em alta velocidade pondo em risco a vida de pessoas e animais eles estão mais do que certo e um dos meus propositos é ser soldado ou policial pra atirar nesses arruasseiros etc e em qualquer um que venha me disafiar achando que só por que os tiros de advertemcia estão sendo proibidos acha que vai faser oque quer ou fugir estão enganados éai que eu ataco sem dó e sem piedade.

réplica

comentário Wilker Wellington - Já fugi de policia | 24/06/2013 às 17:41 | Responder a este comentário

Me desculpe meu caro...mais e isso mesmo...pois ate o momento não lhe fiz nenhuma agressão e outra...vc passou quanto tempo em academia de policia pra treinar o que mesmo??? como fritar um ovo??? acho que não ...!

réplica

comentário reco oliva - sub ten. exercito | 26/01/2014 às 21:17 | Responder a este comentário

mas pessoas que pensam como você duram muito pouco no exercito,o que faz o soldado do exercito ir longe é o equilíbrio,vai por min eu tenho 14 anos de exercito sei o que estou falando

comentário Elcio Domingues - Advogado | 05/01/2011 às 09:30 | Responder a este comentário

O problema é quando os abusadores de autoridade colocarem uma arma fria na mão de sua vítima e efetuarem disparo com ela para simularem que houve confronto.

réplica

comentário Killer Serial - miliciano | 18/01/2011 às 14:05 | Responder a este comentário

Seu merda, provavelmente você nunca foi assaltado, nem sua mulher estuprada por um meliante, para malhar logo o policial e defender eesa corja. Espero que na hora do assalto quando atirarem no seu filho e venha tempo para repensar seu pensamento

réplica

comentário Carlos Custódio - Policial Militar | 18/01/2011 às 15:45 | Responder a este comentário

Caro Elcio,fico triste em saber que a má conduta de alguns policiais te faz pensar de forma tão generalizada.Nós policias somos uma família de mais de 40.000 homens(aqui no RJ),e com certeza a grande maioria TEM ORGULHO DO QUE FAZ,saber que a populção pode andar tranquila pelas ruas graças aos nossos esforços nos faz sentir bem.Espero que você continue expressando sua opinião,e ajudando a cobrar dos responsáveis,escola,saúde e tantas outras coisas que a população precisa,inclusive dignidade pros homens que as protege.Abraços !!!

réplica

comentário Rodrigo Henrique - policial militar | 03/02/2011 às 12:12 | Responder a este comentário

Elcio tu fala assim pq deves ser bem advogado d vagabundo,. ou sera se e vc o vagabundo.?!!!

réplica

comentário cleiva baroni - massoterapeuta | 20/01/2012 às 01:26 | Responder a este comentário

sua vagaba fria e sem moral!!! amaldiçoando o filho de alguem não comparavel a vc... ja fui assaltada mas os policiais são muito piores que bandidos. quem sera que nos afronta com mais covardia????

réplica

comentário deivison da costa queiroz - sua profiss?o | 13/04/2013 às 21:02 | Responder a este comentário

comcordo com vc esse policial que disse que é melhor tirar as armas dos policiais é um louco pois tem que dar tiros sim esse cara não deve ter passado por nenhuma dessas dificuldades pois quando passar ai ele vai pegar um fuzil e sair atirando ai sim ele mudara de comversa por isso eu quero ser soldado ou policial que é a mesma coisa só são de atividades diferentes mas de um jeito ou de outro andão armados e eu não vou dar folga pra esses caras nem as mulheres fugirão de levar tiros por isso é sempre bom pegar pesado pois policial,soldado bravo é um dos mais privilegiados e temidos que ha.

réplica

comentário deivison da costa queiroz - sua profiss?o | 13/04/2013 às 21:09 | Responder a este comentário

comcordo com vc rodrigo henrique esse ai éum louco temos que dar tiros sim seja de advertemcia ou pra matar sim só assim teremos respeito e temor dos outros mesmo que alei proiba vamos comtinuar fasendo isso sim e emtão veremos se eles irão mexer com agente pois eu quero ser ou policial ou soldado mas isso éa mesma coisa oque muda éas atividades mas de um jeito ou de outro andão armados e isso oque importa assim vamos ver se eles irão brincar com a nossa cara e ficar impune é só mandar um tiro de fuzil e veja adiferença dos que não atirão

réplica

comentário deivison da costa queiroz - sua profiss?o | 13/04/2013 às 21:18 | Responder a este comentário

vc esta falando que os policiais são piores que os bandidos moça preste bem atenção ninguem é obrigado a ser bomsinho todos são o que quiserem seja bom ou seja mal mas muitos policiais são de confiança e esses são os mais bravos pois só assim que eles ganhão respeito e temor e um dia espero ser soldado ou policial pra matar qualquer um que eu quiser ai vamos ver se alei vai me prender ão matar alguns drogados em crack,eroina, estrupadores,fugitivos,ladrões,etc. nem as mulheres fugirão de mim

comentário Cajorge - Advopgado | 05/01/2011 às 09:34 | Responder a este comentário

Cada vez que vão ao banheiro voltam com uma nova regra que regulamenta o que inexiste ou não é passível de ser regulamentado. Que tal se a portaria regulamentasse como deveria ser a formação de um POLICIAL DE VERDADE?
Uma coisa é estar em um gabinete com ar condicionado e cafezinho a vontade, outra é estar no campo de batalha, onde o policial precisa ter dissernimento, bom senso, perspicácia e muito, mas muito TREINAMENTO.
A polícia inglesa, a mais competente que conheço, nem arma usa e mesmo assim, quando usa, ainda comete barbarie. Imagine nossos POBRES policiais cujo salário, conhecimento, treinamento e competencia deixam a desejar.

comentário seu nome - delegado de policia | 05/01/2011 às 09:58 | Responder a este comentário

LAMENTAVEL. POLICIA PRECISA DE APOIO MATERIAL, ESTRUTURAL, PESSOAL E DIGNIDADE. NÃO DE RESTRIÇÕES. QUANTO AÇÕES, TAIS COMO DISPARAR EM PERSEGUIÇÃO , EM INDIVIDUO QUE FOGE, ISSO É MUITO CLARO E DEVE SER ORIENTAÇÃO ACADEMICA DE CADA INSTITUIÇÃO

réplica

comentário Ronaldo Souza - Advogado | 18/04/2013 às 15:41 | Responder a este comentário

A polícia precisa sim de restrições, formação e conhecimento da lei. A polícia que temos nas ruas do nosso país é um perigo pra sociedade. Quando há concurso pra polícia todo mundo quer fazer. Todo mudo diz sim as normas do edital, mas quando começa a trabalhar é só reclamação. Ninguém é obrigado a ser policial.

comentário Jaeger - ex-militar, atualmente bancário | 05/01/2011 às 11:23 | Responder a este comentário

As pessoas que inventaram essa discrepância jurídica nunca vestiram uma farda e tiveram de enfrentar marginais frente à frente. Queria ver estes jurístas em uma ocorrência pesada, fardados, para aprenderem o que é a vida de policial.
Meu mais sinceros votos de Paz Profunda.

réplica

comentário deivison da costa queiroz - sua profiss?o | 13/04/2013 às 21:23 | Responder a este comentário

comcordo com vc

comentário Maurício - policial | 05/01/2011 às 11:33 | Responder a este comentário

Realmente lamentável, a função do tiro de advertência é justamente evitar um confronto direto entre o suposto infrator com o policial, visando preservar a própria segurança do cidadão, logicamente este tiro deverá ser dado respeitando a integridade física de terceiros (alheios à situação). Na minha opinião, algumas pessoas (como as do Direito Humano) que formulam estas leis, nunca vivenciaram um confronto direto, nunca sentiram na pele o que é estar em uma situação de perigo iminente e visando proteger a população da criminalidade. É muito fácil formular condutas e leis atrás de uma escrivaninha, sem sentir na pele as dificuldades e vivenciar o dia-a-dia do policial. Direitos humanos para os infratores da lei, e para as vítimas do crime (inclusive policiais) onde está?. Esta é a minha opinião e questionamento.

réplica

comentário josenir de almeida - liberal | 18/06/2013 às 20:32 | Responder a este comentário

infelizmente alguém teve uma ideia genial, a policia militar brasileira como também a policia civil ainda é uma policia arcaica e tem seus componentes que se julgam advogados, promotores, e juízes, tirando o direito de ir e vim do cidadão de bem, fazendo apenas um teatro par extorqui os traficantes por mais dinheiro. são policiais despreparados corruptos e sanguinários, falo ainda mais poderíamos acabar com esse ladroes fardados.

réplica

comentário THIAGO NUNES CARNEIRO - MILITAR | 27/12/2013 às 09:30 | Responder a este comentário

LADRÃO FARDADO É A SUA MÃE

comentário Nicolás Gonzalez - adm. de empresas | 05/01/2011 às 11:45 | Responder a este comentário

na verdade os crimes que ocorrem nestes casos são disparo em via publica, tentativa de homicidio e ameaça com arma de fogo que são suprimidos pelo estrito cumprimento do dever legal, que ao contrario do que pensa o Digno Dr. Jesiel e os dignissimos servidores, o fato de não haver uma norma que proibisse tal atitude pelo agente do Estado, abriria precedentes para abusos a dignidade da pessoa humana, que esta sim portadora de direitos fundamentais nao deveria ter a sua dignidade ameaçada, pelo simples fato de se regular por baixo a população brasileira tratando a todos por marginais. Então, acredito que pelo fato de termos ainda agentes de segurança pública com pensamentos ditatoriais, que pensam que ainda estamos sob a repressão podem disparar a esmo,imaginando que todo aquele que foge é criminoso e isso não se pode permitir em um Estado democratico humanista de direitos.

réplica

comentário Julio Cesar - Professor Universitario | 05/01/2011 às 20:53 | Responder a este comentário

Se nem todo aquele que foge é criminoso, então por que fugiu? Se a pessoa está irregular de algum modo, doc do carro atrasada, portando maconha, não tem CNH, assumiu os riscos do mesmo modo que os policiais que dão disparos de advertência. O dever do policial é só atirar para sua defesa ou de outrem, e do cidadão é de para o carro e não fugir ao ser abordado pela polícia. Todos temos deveres, mas a maioria só quer saber dos direitos.

réplica

comentário Civil Brasileiro - MACONHEIRO | 05/12/2011 às 13:11 | Responder a este comentário

Então portar maconha, não ter cnh, doc. do carro atrasado ou estar irregular é suficiente pra levar um tiro e morrer como acontece todo dia no Brasil?

comentário Jailton Rigaud - Advogado | 05/01/2011 às 12:17 | Responder a este comentário

De fato, temos que lapidar alguns abusos os quais os poucos maus policiais (civil e militar) cometem no dia-a-dia do seu mister, e digo mais, com certo vigor no abuso de autoridade em momentos em que a abordagem de um cidadão, quase sempre negro o branco mau vestido, fato que não acontece com alguém trajando palitó ou roupa de grife, ocorre a meio a multidão de transeuntes, em uma típica cena de exibicionismo. O quase impossível é a pessoa abordada conseguir provar essas atitudes proibidas dos policiais, até porque, quase sempre não há testemunhas e quando exista nenhuma delas irá testemunhar, haja vista que a ameaça de morte por parte dos policias elas são de oficio, ou seja, as pessoas já sabem que se for testemunhar vão ser ameaçadas. Por outro lado, o Estado não pode viver de boas intenções como a criação da referida portaria, mas sim, em uma situação como esta, a aludida portaria deveria antes de sua elaboração, ouvir a instituição policial, até porque são eles (policia) que participam das ações, e portanto, têm autoridade para mostrar a real necessidade, e é claro, sem exageros e colorido com a imparcialidade que se exige do representante do Estado.

réplica

comentário Adriano dos Anjos - Policial militar | 05/01/2011 às 14:09 | Responder a este comentário

Lamentável, ver um profissional(ou alguem formado em direito), não conseguir ver que tais decisões, só estão confirmando que nossa sociedade caminha ao inverso do mundo contemporâneo. Caminhamos aos tempos da colonização onde a vedadeira intenção é só uma se não tirar a força do braço armado do Estado, em qualquer país desenvolvido a polícia aborda com a arma apontando, pois isso não é ofensivo nem tão pouco abusivo, uma vez que confirmada a identidade da pessoa, interrompe-se qualquer atitude, e se não interromper o agente policial é responsabilizado. Você meu caro Jalton Rigaud esqueceu de sitar a esfera policial Federal, ou será que é porque é o orgão policial que mais efetua prisão de advogados do tráfico. Vou deixar uma reflexão para você: Se uma pessoa formada em direito como você que estudou quase 10 anos, diz algo tão sem nexo como seu comentário, que dira um profissional que passa por uma formação de 6 meses que lida direto com público e situações de altissímo risco e estresse.

comentário José Carlos da Silva Faria - Agente de seg. Penitenciário | 05/01/2011 às 12:24 | Responder a este comentário

Mais uma vez vem alguém se meter onde não é chamado. Desde de quando o Ministro da Justiça participou de uma ocorrencia Policial, onde todos policiais
sabem que serão recebidos a tiros, de grande calibre. E esta senhora dos Direitos
Humanos, como chegou a esta conclusão.
É muito comum, Senadores e outras autoridades, com boas intenções, criar leis
ou procedimentos para melhorar alguma coisa. Só que na realidade, só atrapalham.
Hoje gostariamos de trazer a maioridade
para 16 anos, mas uma Lei burra, cheia de boas intenções, vem atrapalhando nosso
objetivo, e enquanto isso, esses menores
matam, principalmente policiais, e nossos
policiais nada podem fazer, e se matam
algum, vem os Direitos humanos passar a mão na cabeça desses menores. Por favor,
antes de tomarem uma decisão, convidem quem realmente conhece do oficio e não se precipitem ao assinar seja lá o que for, já
chega o que vemos por ai.

Jose carlos da Silva faria.

comentário Adilson José da Silva - Investigador de Polícia | 05/01/2011 às 13:27 | Responder a este comentário

Será que grande problema de segurança no Brasil tem a ver com a polícia ou com a sensação de impunidade que é geral? Fazem leis e regras para inibir os policiais, mas para os marginais está tudo bem como está. O que mais amedronta a população: a polícia ou o crime? Acho que para esses alienados dos direitos humanos não precisa nem perguntar.
Ah virou moda neste país dizer que foi torturado durante a ditadura e que por isso quer indenização e regras para controlar a políca.

réplica

comentário cleiva baroni - massoterapeuta | 20/01/2012 às 01:46 | Responder a este comentário

a ditadura só serve pra policial mesmo seu babaca!!!!

réplica

comentário THIAGO NUNES CARNEIRO - MILITAR | 27/12/2013 às 09:45 | Responder a este comentário

EU GOSTARIA DE SABER DESSA PESSOA SE ELA JÁ CHEGOU A ALGUMA COMUNIDADE (FAVELA) E LÁ FOI RECEBIDA A TIROS, GOSTARIA DE SABER SE ESSA PESSOA TEM FAMILIA E SE ELA SOUBESSE SOBRE A POSSIBILIDADE DE IR TRABALHAR E NÃO VOLTAR,POIS, EM UMA ABORDAGEM A UM (CIDADÃO) O MESMO ESTIVESSE ARMADO E REAGISSE CONTRA A GUARNIÇÃO ENTÃO MASSOTERAPEUTA SÓ FALE DO QUE VC SABE

comentário Sd Pm Wilker - sua profissão | 05/01/2011 às 13:28 | Responder a este comentário

Senhoras e senhores, até que ponto o ser humano pode chegar a insanidade mental. Não acredito que pessoas centradas, ocupantes de cargos públicos de alto escalão, podem querer estabelecer através de portaria ministerial restrições ou proibições, que na verdade é papel das academias de polícias na formação de seus integrantes. Num mundo tão dinâmico como o nosso tais regulamentações é um absurdo. Acredito que tal perda de tempo não seria dispensável nas questões relativas a infraestrutura, formação policial, melhores remunerações capacitação ético-moral etc.
Enfim, só o tempo pode nos trazer a esperança que dias melhores virão.

comentário José Roberto de Oliveira Rosa - Policial Militar e Bacharel em Direito | 05/01/2011 às 14:02 | Responder a este comentário

Realmente no Brasil existem muitos políticos de boa vontade, mas somente boa vontade. Percebe-se que nada fazem para melhoria do aparato policial, deliberam um pouco quase que em sobre todos os assuntos, mas FAZEM DE TUDO para não melhorarem a segurança pública nacional. Na presente situação, para que baixarem portaria, se já existe norma penal proibitiva para o assunto? A título de sugestão aos políticos e demais dirigentes na nação, o Código Penal Militar precisa urgentemente ser atualizado, e o salário dos Policial também. Referido Código já tem mais de meio século, e infelizmente sem quaisquer modificação substancial, até parece que os Policiais Militares não votam. Caros dirigentes da nação, serviço no brasil tem! Basta que os Srs. queiram trabalhar. A propósito, se quiserem saber qual o verdadeiro valor de um policial brasileiro, seja soldado pelo menos por um dia em uma nação que se houve falar em corrupção no Governo, no Congresso e pra piorar até vendas de sentenças tem sido noticiado na mídica nacional e muito mais impropérios... O policial exerce sua atividade COM GRANDE AMOR E VOOCAÇÃO, seu salário é irrisório, suas garantias são limitadas, seus direitos são damasiadamentes mitigados, pois, não têm seguro desemprego, FGTS, seu salário é diminuto, não podem serem filiados a partido politicos, não tem direito a greve, sua função não é reconhecida como de perigo (NÃO LHE ASSISTE A PERICULOSIDADE - MAS POLICIAIS MORREM TODOS OS DIAS, e graças a Deus políticos não!) Creio que os políticos e o Governo tem muito a se fazerem pelos políciais, e não ficarem aí inventando normatizações até então desnecessárias. Até parece que os Policiais (Militares, Civis e outros) são os únicos que realmente amam a nação, pois são os únicos que até a presente data, dão a vida por ela. Reflitam companheiros...

réplica

comentário adenilio lopes fereira - policial militar | 20/04/2013 às 15:01 | Responder a este comentário

muito bom vc tocou no ponto essêncial pois nos policiais militares vivemos paltados por um regulamento ultrapassado pois somos tratados como escravos por comandantes e os demais oficiais não temos direito a nada so deveres pois os oficiais das policias militares so trabalha a favor das classes dominantes muitas vezes somos submetidos a escalas de serviço desumanas para atenter as vontades dos oficiais pois quem e pobre não tem direito as viaturas so ficam nas aréas de comercio o povo da periferia não tem o mesmo direito por isso que devia rever as coisas importantes não ficar perdendo tempo com leis que ja existe

comentário Anonimo - interessa | 05/01/2011 às 14:25 | Responder a este comentário

Parabéns, com certeza o bandido esta batendo palmas, pois sabe que pode matar, roubar, estuprar e o que for, e caso algum Policial o enfrente, este poderá mostrar o dedo indicador, correr, fugir que não será de forma alguma ameaçado, e ainda poderá entrar com uma ação de danos morais, pois o dito Policial, estva ostentando arma no coldre.

comentário josé fernandes seixas filho - ex policial militar e advogado | 05/01/2011 às 14:35 | Responder a este comentário

olha ficar atras de uma escrivaninha com ar condicionado é mole, deveria colocar esses "legisladores" pelo menos 24 horas, em uma viatura da policia fazendo patrulhamento em area de risco e abordar um veiculo com tres ou quatro elementos com a arma no coldre e pedir ao cidadão para desembarcar, para ver o que ele vai desembarcar, no minimo uma saraivada de balas.
É muito facil, se o cidadão não parou em uma Blitzem policial, no minimo esta em flagrancia de armas, sequestro, drogas, veiculo roubado e etc. Olha "legisladores" estamos no Brasil, venha principalmente para o RJ, e voces vão ver que tal pratica não funciona.
Nos EUA, os policiais quando o individuo fura a barreira policial eles atiram e é para matar e olha que é 1º mundo.
Por esta e outras que estou com minhas malas arrumadas para o 1º mundo, chega de politicagem barata com vagabundos, vamos olhar para o cidadão de bem que paga seus impostos, o que vagabundo contribui para o pais, somente para encher os bolsos de certos "adevogados" criminalistas.

comentário Tancredo Junior - Policial Militar RJ | 05/01/2011 às 15:36 | Responder a este comentário

Policial é morta à queima roupa
Um crime bárbaro num estacionamento de trailers em Enon Beach, Ohio. Suzanne Hopper , uma policial de 40 anos, mãe de dois filhos, foi morta quando estava no local atendendo a um chamado que denunciara o ruído de tiros na área.

Enquanto observava o local e fazia fotos, Suzanne foi surpreendida por Michael Ferryman, de 57 anos, que abriu a porta de seu trailer repentinamente e atirou à queima roupa.

Suzanne morreu no local e um de seus companheiros, Jeremy Blum, de 32 anos, foi atingido no ombro quando veio em seu socorro. Ele está hospitalizado e passa bem.

Outros policiais cercaram o trailer onde estava o atirador e o mataram na troca de tiros.

Emocionado, o xerife da cidade, Gene Kelley, disse que foi a pior ocorrência em seu 24 anos de polícia. Declarou que Suzanne era uma policial exemplar e não teria morrido se tivesse tido tempo de sacar sua arma.

Nada diferente do que se vê nos filmes de Hollywood, só que aqui as cenas são reais.

Agora imaginem um DESGRAÇADO DESSES QUE FAZEM AS LEIS NO LUGAR DESTA POLICIAL.

Fazer Leis dentro de seus gabinetes e não sair as ruas para saber a opinião do povo é mole. Tinha que dar uma surra nesses políticos que aumentam o próprio salário em um dia e depois ficam brigando para dar R$30,00 de aumento para o POVO.

Senhores só quem defende vagabundo é quem se beneficia de alguma maneria com eles.

Outra coisa, o POLICIAL, não tem bola de cristal para saber quem é vagabundo ou não.Me diga se existe alguém que só em olhar para uma pessoa que nunca viu na vida e está parada em frente a um estabelecimento comercial e/ou uma casa pode dizer se é um "trabalhador" ou "vagabundo"? Nesta situação a cima descrita se coloque no lugar do policial que vai para atender o pedido de uma pessoa que está aflita com a cena e tente abordar o indivíduo com FLORES!!!

comentário ANTONIO MALHANO - advogado | 05/01/2011 às 16:20 | Responder a este comentário

Após ler alguns comentários sobre a referida portaria que procura ?restringir o uso de armas pelos agentes LEI?, fiquei surpreso com algumas posições que não entendem o trabalho da polícia, e mais nós da sociedade temos que nos colocar na posição de cidadão de bem e não como vítima da polícia, melhor explicando, para mim quando sou abordado e caso tenha uma arma apontada pelo policial, sei que assim que me identificar a referida arma será abaixada. O que não quero é ver um ?bandido apontando a uma arma para mim, para roubar meus pertences.

A referida portaria é na verdade um absurdo jurídico-administrativo , pois nunca o policial teve direito de atirar em ninguém, e aqueles que o fazem respondem conforme a Lei. Assim não haveria necessidade de tal portaria, pois todos sabem seu trabalho, e qualquer falha são punidos, mas tal medida acalenta a sociedade que de forma MÍOPE, acredita que os problemas se resolvem com portarias.

Essa portaria somente vai dar mais suporte para aqueles que não cumprem as normas, pois certamente o cidadão que ao ver uma blitz, reduz a velocidade, acende a luz interna e abaixa os vidros, e conduz sempre com documentação em dia, dificilmente terá uma arma apontada em sua cabeça. Portanto a população também deve saber como se comportar.

réplica

comentário Carlos Custódio - Policial Miilitar | 18/01/2011 às 16:16 | Responder a este comentário

Parabéns Drº,também li alguns comentários,e cheguei a conclusão que a portaria em questão foi esquecida e tornou-se uma discurssão entre cidadão policial e cidadão" não" policial,só que esquecemos que todos somos cidadãos e cada um com a sua profissão,com direitos e deveres que devem ser cumpridos. Se as armas não atravessarem nossas fronteiras,a portaria em questão não vai servir pra muita coisa,temos que num todo CIDADÃOS,cobrarmos das pessoas certas e da forma certa.Abraço.

comentário Herbert Gonçalves espuny - Investigador de Polícia | 05/01/2011 às 16:39 | Responder a este comentário

Acho que a melhor solução para os problemas da Segurança Pública é o treinamento adequado e eficaz. Proibir o policial de qualquer ação em benefício da população talvez não seja a melhor solução. Às vezes uma ação bem executada pode evitar danos maiores. Por que alguém desrespeitaria uma ordem de parar em uma operação policial? Será que os desavisados ou desinformados são em maior número do que aqueles que tem alguma coisa a esconder? E se neste veículo estiver ocorrendo um sequestro? A arma de fogo não pode ser usada sem treinamento e sem maestria. A solução é implementar - cada vez mais - o treinamento para a efetiva ação policial.

comentário Rubens Keber - funcionario público | 05/01/2011 às 16:40 | Responder a este comentário

Não estamos mais no velho oeste onde o uso de armas de fogo era livre e desempedido. Precisamos sim de normas que nos proteja contra maus policiais,pois os bons já utilizam a norma antes mesmo dela ser criada

réplica

comentário Rogério M - sua profissão | 05/01/2011 às 19:12 | Responder a este comentário

muito interessante esse seu comentário, pareçe até sarcástico do modo como você pensa sobre os policiais, pois estes são os que estão em combate com marginais e todo tipo de pessoas ruins. É claro que existem bons e maus policiais, isso é fato, mas não podemos julga-los como um todo. Imagine se um bandido roube um carro e a policia em busca deste não pode fazer nada para pará-lo e ele atropela uma criança na rua, como ficaria?? a culpa é da polícia ou do bandido ? o que a polícia poderia fazer para para-lo ? Acho que sei... gritar ? Fica ai minha indagação.

réplica

comentário Robert Lander - policial | 08/01/2011 às 01:18 | Responder a este comentário

"Os disparos serão tolerados se houver ameaça real de lesão ou morte". A função do policial é proteger a vida e não ameaçá-la. Proteger inclusive com o sacrifício de sua própria vida. O policial deve sacar sua arma como último recurso. As ruas estão cheias de motoristas imprudentes aptos a atropelar crianças; o que se poder fazer? atirar em todos eles...

réplica

comentário cleiva Baroni - massoterapeuta | 20/01/2012 às 02:00 | Responder a este comentário

Robrt, vc é a pessoa que mais teve resposta digna de todas as pessoas que deixaram seus recados!!! acredito em vc e no seu trabalho. parabens!!!!

réplica

comentário BAHIA BRASIL, SELVA - Policial Militar | 01/11/2012 às 20:31 | Responder a este comentário

Ok Cleiva, numa situação de ameaça, um marginal apontando uma arma para você, primeiro você vai levar um tiro, aí sim, o policial vai reagir, tá bom asim pra você? Se liga, a sociedade quer acabar com sua própria liberdade, coloque na sua cabeça uma coisa: SEM POLÍCIA NÃO TEM SEGURANÇA, NÃO TEM LIBERDADE, NÃO TEM PASSEIO NO PARQUE, NÃO TEM COMÉRCIO ABERTO, nesse mundo cão, abaixo de Deus é a polícia, um dia você vai acreditar no que estou falando, seus comentários são ridículos, e esse colega que comentou o que você gostou de ouvir deve ser recruta, nunca participou de uma ocorrencia de verdade, no dia que participar ele muda de idéia. Um abraço a todos meus irmãos policiais Militares e do Brasil. Selva.

réplica

comentário deivison da costa queiroz - sua profiss?o | 13/04/2013 às 21:32 | Responder a este comentário

sim se eles saem sem saber dirigir com cuidado sim é mais do que obvio assim eles pensão direito antes de dirigir e cleiva baroni se vc acha que é só usar armas em certos casos consertesa esse pais sera um dos piores a esqueci éum dos piores do mundo pois não tem pena de morte pois se tivesse comcertesa não teria tantos crimes. as veses é melhor atirar,matar,etc. pra por limites nesses marginais,ladroes,etc

réplica

comentário THIAGO NUNES CARNEIRO - MILITAR | 27/12/2013 às 10:12 | Responder a este comentário

VC É POLÍCIA DE ONDE!!!!! SE VC ESTÁ DISPOSTO A DAR SUA VIDA POR PESSOAS QUE ESTÃO CORTANDO OS SEUS BRAÇOS E PERNAS É COM VC, AGORA ENTRE EU E UM BANDIDO PREFIRO ELE MORTO DEZ VEZES, DIREITOS HUMANOS NÃO VÃO APOIAR MINHA FAMÍLIA SE EU VIER A MORRER E EM UM MOMENTO DE PERSEGUIÇÃO O BANDIDO ESTÁ DISPOSTO A FAZER QUALQUER COISA PARA NÃO SER PEGO, AGORA SE VC NÃO TEM CORAGEM DE SER POLÍCIA PEDE BAIXA E VAI SER MASSOTERAPEUTA ASSIM VC SE ENCAIXA MELHOR

comentário Rogério - sua profissão | 05/01/2011 às 19:00 | Responder a este comentário

É facil resumir essa portaria:

UMA VERGONHA!

comentário Julio Cesar - professor universitario | 05/01/2011 às 21:04 | Responder a este comentário

O que todos não entendem é que enquanto as polícias forem instituições politizadas não poderemos cobrar resultados nem culpar os policiais. Estes estão na rua, dando a cara a tapa e quando abordam alguém que conhece "alguém" (políticos, empresários com influência, amigos de autoridades, promotores, juízes, etc.), por mais que façam tudo corretamente, sofrem perseguições ou são punidos. Se uma investigação começa a chegar perto de algumas dessas pessoas, telefonemas são feitos, investigações são comprometidas e a população culpa a polícia por ser ineficaz. Considerando o salario e como tem que trabalhar, acredito que nós temos a melhor polícia do mundo. Se fosse dada autonomia em suas investigações e ações (sem permitir ilegalidades é claro) seria muito melhor do que ficar restringindo cada vez mais suas ações.

comentário marco sino - empresário | 05/01/2011 às 21:30 | Responder a este comentário

A policia no Brasil é violenta, mal preparada e abusada. As abordagens são truculentas e mal-educadas, mesmo em sendo a cidadãos de bem. É preciso sim coibir os abusos de policiais. Um simples soldadinho se acha grande autoridade diante de um indefeso cidadão e só se contém quando se depara com uma carteirada de militar ou de alguma autoridade, principalmente do poder judiciário, porque aí sabe que a "chapa é quente". Tem que fazer isso mesmo e, detalhe, punir com o máximo rigor os abusos de autoridade, se possível com exclusão do serviço público e cadeia.

réplica

comentário andre luiis - policial civil | 07/01/2011 às 00:17 | Responder a este comentário

Claro.. assim como todo o empresariado é honesto, trabalhador. Não existe qualquer tipo de sonegação por parte de empresários.. é uma classe perfeita....... Vamos apenas lembrar ao Sr. Marco Sino que o citado "soldadinho" mencionado em seu comentário, é aquele que está na rua combatendo o crime e é aquele que, quem sabe, algum dia, pode salva-lo ou alguem de sua familia.... pobre soldadinho...

réplica

comentário Sd Pm Fabricio - POLICIAL MILITAR | 11/01/2011 às 18:44 | Responder a este comentário

Gostaria de lembrar este Sr."Marco Sino"que traficantes também levam nome de "Empresários" e "Patrão"segundo giria marginal. Gostaria também de lembrar que em situação de perigo o mesmo que critica nossa policia é o primeiro a recorrer a o Tel 190 e depois agradece quase se humilhando a um "soldadinho" que defendeu sua vida ou recuperou seus pertences. Então primeiramente lave sua boca com sabão para falar de um policial ou mesmo da instituição a qual ele representa. Segundo só pela suas palavras acredito que tenha algum problema com a justiça já que nós policias não fazemos e nem toleramos abordagens truculentas para PAI DE FAMÌLIA e PESSOAS DE BEM. Pois Bem para finallizar a POLICIA MILITAR esta ao seu dispor.

réplica

comentário ANDRÉA CORREIA - ESTUDANTE DE DIREITO | 12/01/2011 às 00:39 | Responder a este comentário

Sr. Marco Sino. Então quando o senhor estiver "em apuros" não se esqueça de ESQUECER de chamar a "polícia violenta" do nosso país,afinal , nessa hora o senhor será um "indefeso cidadão" diante de uma carteirada de militar...(palavras do senhor).Não é por causa de algumas atitudes de alguns policiasi que o senhor pode ofender o demais.NÃO GENERALIZE!!!!! O ÚNICO VIOLENTO AQUI É O SENHOR COM SEU PÉSSIMO COMENTÁRIO!!

réplica

comentário marco sino - empresário | 14/01/2011 às 13:42 | Responder a este comentário

Bem Sr Sd Pm Fabricio, os fatos falam por si só... Dá uma lidinha na notícia abaixo, publicado no jornal JURID de 13.01.2011. Tem que colocar "freio" em vcs mesmos ou não tem? 13.01.2011 O Estado do Rio Grande do Sul foi condenado pela Justiça a indenizar familiares de mestre-de-obras confundido com ladrão de automóveis e morto a tiros em uma perseguição por policiais da Brigada Militar. A decisão é da 9ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul. Segundo a relatora do processo no Tribunal, Desembargadora Marilene Bonzanini Bernardi, não há como afastar a responsabilidade civil do Estado, resultante do agir desmedido e despropositado de seus prepostos, no caso policiais militares, tendo em vista a vítima ter sido confundida com um ladrão de automóveis. "Os policiais agiram imprudentemente, sem a evidência de qualquer necessidade ou reação da vítima, que sequer armado se encontrava, desferiram dezenas de disparos contra o veículo, vindo um deles, pelo menos, a ferir mortalmente um líder comunitário e trabalhador", diz o voto da relatora. Com meus devidos respeitos aos POUQUÍSSIMOS mas bons policiais civis e militares.

réplica

comentário Sd Pm Fabricio - POLICIAL MILITAR | 14/01/2011 às 18:05 | Responder a este comentário

O meu caro em que parte o Sr não entendeu que uma pessoa de bem ao ser abordada levanta as mãos e sabe que a abordagem é para o bem dela e dos demais................E não corre da policia........ Claro erros acontecem por falta de treinamendo de um estado que é omisso............Em minhas abordagem em favelas vejo muitos dos que apeendemos são traficantes e ladrão e dizerem que são trabalhadores...........Mas o caso é se não deve não ha o que temer

réplica

comentário Anderson lessa - dentista | 25/01/2011 às 04:08 | Responder a este comentário

Boa Noite Policial Fabricio! Acho que não se trata de, quem não deve, não deve temer . Deve temer sim ,porque somos gratos aos PM,mais sabemos que erros como esse acontece muito. O caso do prof de educação fisica no -RJ que sequestrado no banco de traz do seu carro foi alvejado com 6 disparos, a engenheira na barra-RJ que foi comfundida e baleada por PMS de uma patamo e seu corpo ocultado ,todos os PMs presos no BEP , eu pergunto e sua familia certamente presa no confinamento de seus lares esperando pela misericordia Divina. Sei que muitos de vcs PM ,PC ,tem suas vidas subitraidas por Marginais e monstros que brotam em nossa sociedade como pestes por isso tenho orgulho dessa POLICIA do RJ em especial. Mais temos que diminuir as margens de erro só isso ,para que vcs herois e braço forte deste Estado possam retornar para seus lares com a certeza de que fizeram o melhor por suas familias e pela s nossas !!!! Cordialmente. Anderson lessa.´.

comentário Rennó Miranda - Delegado de Policia | 05/01/2011 às 22:22 | Responder a este comentário

Acho correta a proibição, que não abrange as reais necessidades do uso da arma de fogo.
Os nobres Policiais deveriam conhecer outras armas que quando conhecidas e utilizadas, podem libertar um refém, podem salvar uma vida, podem neutralizar um desequilibrado a uma distancia de 1000 km, ou mais.
Estamos na fase de armamento de alta frequencia, de emissão de ondas energomagnéticas. De Armas da Lei Maior e da Divina Justiça. Os Nobres Guardiões da Lei e da Vida não ficam atirando balas pra todo lado, nem ameaçando sem necessidade.
Nobres Policiais, Consagrem se a Lei Maior e á Divina Justiça e recolham as mais poderosas armas não letais e multidimensionais existentes, conheçam a Magia Divina e parem de contar apenas com sua pistola.
E se puderem, façam uma arte marcial para garantir o corpo a corpo, sem tiroteio.
Aí meus caros, até as flores podem ser atiradas pelos abertos portais florais, se projetaram em toda sua exuberãncia e multicor, podendo ser direcionado a seus alvos sofredores, sendo modernas e poderosas armas de combate a negatividade reinante e as chagas do caminho, para alivio das vítimas e abate não letal dos criminosos . São as modernas armas dos Novos Guardiões da Lei e da Justiça divina no seio dos homens, para que reine enfim, a paz .

Forte Abraço
Dr Rennó

réplica

comentário Mendes Soares - Servidor Público | 12/01/2011 às 23:35 | Responder a este comentário

Ao ler o seu breve comentário observo que teve acesso ao conteúdo da referida portaria. As armas não letais possuem uma enorme eficiência em diversas ocasiões e sua aplicação sem a menor dúvida trará mais segurança para o policial, bem como para a toda sociedade. Entretanto observo que antes da publicação deste ato administrativo o Governo deveria propiciar meios aos policiais para que tivessem um treinamento efetivo com estas armas e que, como o texto do decreto obriga, disponibilizasse ao menos duas armas não letais para cada um destes bravos servidores. O treinamento é a base de qualquer atividade, muitos policiais têm treinamentos ridículos durante a sua formação, existem casos em que só utilizam armas de fogo apenas uma única vez em treinamentos que mal chegam a 1 mês, e este para muitos é o último contato com a Academia de Polícia, ou seja, nunca tiveram acesso à cursos de aperfeiçoamentos/atualizações. Meu apelo às autoridades é que forneça os meios para que conforme os resultados produzam as normas e não produzam normas que não têm a menor possibilidade de produzirem efeitos, mesmo porque o próprio Estado não fornecem os meios que a portaria citada tornou obrigatórios.

comentário JSR-ADVOGADO - ADVOGADO | 05/01/2011 às 23:04 | Responder a este comentário

Nota-se que só os milicianos "desavisados" é que foram contra a referida portaria, é óbvio, contudo, essa foi a melhor medida, do jeito que a coisa estava indo, não mais teria sentido as repressôes desordenadas, quando muitos cidadãos tiveram suas vidas ceifadas em razão de abusos de policiais "despreparados". Com certeza tal medida será muito bem recepcionada pela sociedade, pois, estamos vivendo um período de democracia, onde, a cidadania como um todo, deve ser o escopo.

réplica

comentário BAHIA BRASIL, SELVA - Policial Militar | 01/11/2012 às 20:49 | Responder a este comentário

Dr. JSR, se a medida vai ser bem recepcionada pela sociedade, imagine pelos marginais, rsrsrsrs.

comentário NILTON VASQUEZ - COMERCIANTE | 05/01/2011 às 23:42 | Responder a este comentário

OS FILMES "TROPA DE ELITE" 1 E 2 RETRATAM COM EXATIDÃO O QUE É A POLÍCIA BRASILEIRA. CORRUPTA, MAL PREPARADA, VIOLENTA. E ACRESCENTE-SE QUE NÃO É SÓMENTE A PM MAS TAMBÉM A POLÍCIA CIVIL. SE FOR VER DIREITINHO, A TAL "BANDA PODRE" NÃO É MINORIA NÃO SENHOR, É MAIORIA. MAS NUM PAÍS COM A CLASSE POLÍTICA COMO O BRASIL, O QUE SE PODERIA ESPERAR?
FEZ BEM O MJ EM PUBLICAR ESSA PORTARIA PARA COIBIR ESSE USO EXACERBADO DE ARMA DE FOGO PELAS POLÍCIAS. A SOCIEDADE APLAUDE.

réplica

comentário seu nome - sua profissão | 06/01/2011 às 10:24 | Responder a este comentário

Pois bem, Sr. NILTON. O Sr. é comerciante e tem a opinião clara de que a grande maioria dos Policiais são despreparados e corruptos. Alega ainda que tudo isso é fruto da atual classe política brasileira. Agora lhe pergunto: O Sr., como "baluarte" da sociedade brasileira, está fazendo sua parte para melhorar essa situação? Tenho certeza que não. Pelo seu comentário, o Sr. deve ser um "poço de virtude", dessa forma volto a lhe perguntar, como "comerciante sério" que é, o Sr. emite todas as notas fiscais de compra e venda, e ainda paga todos seus impostos devidos? Tenho certeza que não, pois deve sonegar e maioria dos impostas sob a alegação de que "se os políticos são corruptos, não sou eu que vou pagar o pato!". O Sr. ainda deve ser um alienado, pois fazer um comentário baseado em dois filmes, que muito embora retratem temas reais, são obras de ficção, como foi declarado pelo próprio diretor José Padilha. Assim sendo, a única coisa que posso lhe desejar é que não precise da Polícia "despreparada e corrupta", pois a pior coisa que pode acontecer é saber que a partir de agora a polícia brasileira está rumando para ser tornar apenas um fantoche na segurança pública.

réplica

comentário NILTON VASQUEZ - COMERCIANTE | 06/01/2011 às 18:19 | Responder a este comentário

BEM, SR "SEM NOME" E "SEM PROFISSÃO". EU NÃO DEVERIA RESPONDER A UM COMENTÁRIO ANÔNIMO. GERALMENTE OS ANÔNIMOS SÃO COVARDES OU TEM ALGUMA COISA A ESCONDER... DE QUALQUER FORMA, REAFIRMO A MINHA OPINIÃO ACIMA E QUANDO CITO O FILME TROPA DE ELITE É CLARO QUE O SR DIRETOR DO MESMO TEM QUE DECLARÁ-LO COMO FICÇÃO. QUEM O DECLARA CORRESPONDENTE COM A REALIDADE É A SOCIEDADE, SOBRETUDO AQUELAS PESSOAS QUE FORAM VÍTIMAS DA POLÍCIA, O QUE NÃO É O MEU CASO. ALIÁS, TENHO ALGUNS AMIGOS NA POLÍCIA QUE SÃO HONESTOS E CORRETOS E, POR CONTA DISSO, ESTÃO PENSANDO SÉRIAMENTE EM PEDIR DEMISSÃO JUSTAMENTE POR CONTA DE TUDO O QUE SABEM QUE ACONTECE NA INSTITUIÇÃO. QUANTO AOS IMPOSTOS, PAGO-OS TODOS, EMBORA NÃO LHE DEVA NENHUMA SATISFAÇÃO, MAS APENAS PARA SUA INFORMAÇÃO. OUTRO DETALHE QUE O SENHOR NÃO DEVE SABER É QUE AINDA ESTAMOS NUM PAÍS EM QUE A CONSTITUIÇÃO CONTEMPLA A LIVRE OPINIÃO DE SEUS CIDADÃOS.

réplica

comentário Tancredo Junior - policial militar RJ | 08/01/2011 às 15:08 | Responder a este comentário

Espero que o sr. nunca precise de um policial. Pois fico muito triste em saber que existe pessoas como o sr. que ao invés de dar apoio aos policiais, faz declarações horrívies como esta. Gostaria de saber se o sr. sabe de onde vem os policiais? Será que estes bravos guerreiros vem da sociedade? Sociedade esta que os escorraça assim que seus problemas sãos resolvidos. Quando uma "criatura" que esta há poucos segundos de cometer , como dizem os POLICIÓLOGOS E ESTUDIOSOS, uma atrocidade, quem que vai de encontro a tal fato? Será que você chama os Bombeiros, Médicos, Professores? Não. Vocês (sociedade) chamam e implorando por suas vidas pedindo para avistarem um carro de polícia que está em PATRULHAMENTO naquela área, naquele instante. Infelizmente os governantes não dão o treinamento aos policiais,treinamento este esperado por NÓS SOCIEDADE. Mas embora seu sentimento continue assim saiba que estarei sempre pronto para defendê-lo nas horas que o sr. ou qualquer um da sociedade mais precisar.Quando todos correrem para se esconder e depois ficar falando mal , conte comigo. Quero dizer ao sr. que sou policial há 10(dez) anos e SOU e ESTOU policial porque gosto de ajudar, gosto de defender quem precisa. Sente com um policial e embora o sr. não goste de policiais, tente conversar com um de nós(policiais) e tente entender que também temos muitos que estão com muitas dificuldades para conseguir dar a tão sonhada tranquilidade que a sociedade espera. Dificuldades essas que na maioria das vezes são de treinamento pelo estado (falho), salário baixo, problemas familiares. Converse com policiais para saber também de seus problemas. Porque aquele policial com certeza sabe do problema que acontece no seu bairro, na sua região. Estpou falando com os PRAÇAS DA PM do bairro onde o sr. mora.

comentário Lima - Policial Militar | 06/01/2011 às 11:10 | Responder a este comentário

Agora so falta publicar uma portaria retirando o porte de arma e sendo obrigado o uso de armas com balas de borracha ......Imagina so o tiro de advertencia ainda pode ser considerado um excesso , porem abordagem sem utilizacao da arma em pronto emprego e impossivel....Nessa situacao o bandido leva mais uma vantagem sobre o policial...que corre o risco de morrer....

comentário Desconhecido - sua profissão | 06/01/2011 às 11:55 | Responder a este comentário

É lamentável ver vários comentários a respeito de um assunto tão sério e tratado com grande desdenho. O maior problema do Brasil é que hoje todos os cidadãos são policiólogos, ou seja, todo mundo entende de polícia, principalmente esses nobres políticos que criam leis, decretos etc, sem o mínimo de conhecimento.
O Brasil é um país que mais tem lei, entretanto não se cumpre.
Quando vejo um comentário como o do Sr. marco sino, fico a pensar que ele deve ser um daqueles que financia a milicia. Pois é melhor viver sob o jugo dos bandidos doque viver sob a proteção da justiça.
Eu gostaria de ver a face desses legisladores quando estivessem sob a mira de uma arma de um delinquente e qual seria a sua reação.
Na verdade esses decretos só servem para dar respaldo as ações delituosas daqueles que vivem às margens da lei.
Recentemente um cabo da policia capixaba foi assassinado na frente de sua esposa e filho quando jantava em um restaurante em Guarapari. Este policial se encontrava de férias, curtindo um momento impar com a sua familia, e agora quem amparará essa familia.
Gostaria de ver esses iluminados legisladores, ciadores de leis fajutas, num campo de batalha como foi a ação dos policiais cariocas nas favelas. Imaginem esses desvalorizados policiais se tivessem que fazer abordagens e incursões com as armas nos coldres.
Nota-se que os policiólogos entendem mais de policia do que os verdadeiros policiais.

comentário Paulo Sá - Delegado de Polícia | 06/01/2011 às 12:25 | Responder a este comentário

Mais uma vez fica evidente que a vida do policial não vale nada. Na cabeça dos imprestáveis dos direitos humanos policial tem de morrer pela sociedade, sem direito algum. Já está passando da hora desses juristas da boca do lixo perceberem que o direito da sociedade se sobrepõe ao do indivíduo. Mais correto seria criminalizar a fuga do cidãdão. Um disparo de advertência em meio a uma briga de facas dispersa a turba e salva vidas, depende da situação. Com certeza um burocrata com o c. na mão não sabe disso. Da minha parte continuo preferindo ser julgado por sete do que carregado por seis. Meus filhos agradecem.

comentário andre - policial civil | 07/01/2011 às 00:01 | Responder a este comentário

Parabéns aos gênios que inventaram tal portaria..... Afinal, em um Pais que quase não existe delinquência... pra que a policia usar arma... pra que tiro de advertência??? É só dizer "pare em nome da lei" que, com certeza, o marginal vai parar.. da mesma forma, aquele que fura o bloqueio, quando ouvir a frase "pare em nome da lei" ele vai parar, descer do veiculo e até pedir desculpas por não ter parado...
E com relação à proibição de apontar arma à alguem quer está sendo abordado, também é correto, afinal de contas, o policial deve "adivinhar" se o averiguado está armado ou não..
ele pode deixar sua arma no coldre e esperal aquele que está sendo abordado puxar sua arma e dar um tiro na sua cara. Quando isso acontecer, com certeza os gênios do Ministerio da Justiça e da Secretaria dos Direitos humanos ficarão extremamente felizes

comentário policial - policial | 07/01/2011 às 00:23 | Responder a este comentário

LEIAM COM MUITA ATENÇAO

1. *A POLÍCIA não sai por aí encostando playboy na parede por que gosta, mas por que o serviço tem de ser feito. Então,quanto mais você enrolar, mais tempo vai demorar a abordagem.

2. *Pra quem não quer levar os tradicionais chutinhos no tornozelo a receita é simples: basta abrir as pernas num ângulo mínimo de setenta graus.

3. *Nós fiscalizamos o trânsito, sim. Mas nossa prioridade é o crime.
Quem prioriza o trânsito é o DETRAN. Então, quando for parado por uma equipe da POLÍCIA, não venha tirar documentos do bolso antes que o policial determine.
Um movimento precipitado e você pode tomar um tiro nessa sua "carinha de criado com a vovó". É muito simples. Primeiro verificamos se você não está portando armas ou drogas, depois verifica-se quem você é e o seu veículo.

4. *A merda do seu carro "tunado", apesar da papagaiada toda, não é único ou exclusivo. Existem muitos iguais a essa porcaria. E esses muitos outros são conduzidos por criminosos. Então quando for parado, não quer dizer que o policial está te perseguindo, ou está com inveja dessa merda. Ele te parou
por que você pode ser um bandido, ou seu veículo é igual ao que foi usado num crime qualquer.

5. *Para as mulheres: quando a porra do teu namorado for pra parede, não atrapalhe. Fique no local onde foi determinado e espere o fim da abordagem, de preferência em silêncio.

6. *Maconha ainda é droga ilícita, e usá-la ainda não está permitido.
Então não reclame!

7. *Sempre dizem: VAI PRENDER BANDIDO. Pedimos também que indiquem onde eles estão, e se possível nos acompanhe a delegacia, na condição de testemunha.

8. *Em vários locais já ocorreram crimes chamados seqüestro relâmpago, inclusive nesta cidade. Por isso, quando tu tá no carro com a porra da tua namorada e mais 4 boiolas juntos, nós abordamos por imaginar poder se tratar de um desses crimes. Portanto, coopere, desça do carro com as mãos na cabeça
e peça pros teus amiguinhos fazerem a mesma coisa e todo mundo quietinho, na bôa.

9. *Deixe essa sua carteirinha de OAB guardada na sua carteira ou em casa.
Se eu quiser saber tua profissão eu vou perguntar e você apenas vai me responder. Advogado não é autoridade, é um profissional liberal, como um dentista ou pedreiro, e POLICIAL não tem medo. Fórum é pra ir mesmo.. Boa parte dos Policiais hoje também são bacharéis iguais a você. Por sinal, os cursos de formação da POLÍCIA chegam até botar muita faculdade de direito, de fundo de quintal, no bolso.

10. *O famoso "mão pra cabeça" é uma ordem legal que tem
auto-executoriedade, ou seja, nós podemos parar quem quer que seja segundo nosso poder discricionário e realizar uma busca pessoal, sem necessitar de mandado específico, o que você já deveria saber, sendo que se diz formado em direito.

11. *Carro não é extensão de domicílio, exceto se você morar nele, portanto TAMBÉM não precisa de mandado e será primeiro revirado e depois fiscalizado e quem sabe autuado e apreendido.

12. *Mantenha-se calado durante a abordagem! A sua opinião não interessa a ninguém. Muito menos a mim!

13. *Também não interessa saber quem é seu pai, mãe, outro parente ou quem você conhece.

14. *Não temos inveja de sua condição social ou da porcaria do seu carro; apenas estamos trabalhando em prol da sua segurança. Então sempre agradeça-nos ao término da abordagem, lembrando sempre de dizer: MUITO OBRIGADO SR POLICIAL! EU AMO As PMDF, PMAM, PMES,PMERJ, PMESP,PMRR, Federal, PRF, Civil, Guarda Municipal.........!!!


SIGA ESSAS REGRINHAS SIMPLES E TODOS SERÃO FELIZES!
POLÍCIAS, PELA PAZ E SEGURANÇA!!! Porque com certeza sabemos que somos odiados pela maioria de voces...mas ao mesmo tempo sabemos que qualquer situação,por mais simples e besta que seja é o número 190 que voces vão ligar... E CORRER PARA DELEGACIA*

réplica

comentário Benedito Suez - Engenheiro civil | 07/01/2011 às 13:33 | Responder a este comentário

É só perguntar aos pais do menino João Roberto, ao Dr Juiz que recentemente teve seu carro metralhado numa blitz atingindo gravemente um de seus filhos. Isso só prá citar dois exemplos entre dezenas. Tem que botar freio mesmo nas polícias. Prestigiar o bom policial e punir exemplarmente a banda podre. Por fim: "POLICIA É UM MAL NECESSÁRIO".

réplica

comentário Carlos Eduardo - sua profissão | 10/01/2011 às 01:06 | Responder a este comentário

É só perguntar para as milhares de pessoas que foram salvas pelas policias.... essa é a regra, não a exceção como citado acima

réplica

comentário marco sino - empresário | 12/01/2011 às 18:28 | Responder a este comentário

Perceberam senhores a truculência que abordo no meu comentário na fala desse suposto "policial, policial"? Chute no tornozelo, tiro na carinha... e outros? Se o senhor optou por ser policial, sabia que iria ganhar pouco e que tem o dever constitucional de defender e respeitar o cidadão que com seus impostos paga o seu salário. A sua fala é de alguém recalcado, que quer descontar na sociedade a sua frustração de ser policial. Saiba que se a sociedade tem repulsa por inteira responsabilidade de comportamentos como esse. Esse papo de que trabalha sob estress, que ganha pouco, etc, etc... não justifica a conduta de boa parte de vcs. Sabiam que a condição seria essa mesma e optaram por isso. Se não estão satisfeitos, peçam demissão e vão fazer outra coisa na vida tchê!

réplica

comentário Sd Pm Fabricio - POLICIAL MILITAR | 13/01/2011 às 16:30 | Responder a este comentário

Caro "Marco Sino"o senhor com certeza ainda não precisou da policia truculenta pois não seria tão hipócrita de falar mal de quem entrega a vida para proteger os demais cidadãos. Quero Lembrar o "amigo" de que pessoas como você tem caráter de índole duvidosa uns sonegam impostos outros do meio que o senho vive matam pais e mães para obter mais dinheiro. Acho que o recalque vem da parte do senhor por ser uma pessoa impotente que fica atras de uma escrivaninha sem fazer nada. Enquanto a maioria de nós corremos atras de meliantes para defender pessoas que não merece como o senhor. Já disse cale a boca o senhor já escreveu muita besteira. Escolhemos e sabemos que seriamos mal remunerados mais colocamos nossas vidas em risco por amor para ajudar o próximo. Ao contrario de pessoas como o senhor que é covarde.

réplica

comentário Sd Pm Fabricio - POLICIAL MILITAR | 13/01/2011 às 16:43 | Responder a este comentário

SENHOR, vós sabeis quão árdua é a minha missão, e quase sempre incompreendida pelos homens......................... É triste SENHOR, arriscar a minha vida e não ser reconhecido, e algumas vezes criticado ou injuriado................... É triste SENHOR, despedir-me do lar e não ter a certeza de a ele retornar..................... Mas é consolador SENHOR, o sentimento do dever cumprido e a certeza de que minha figura anônima evitou um crime ou salvou uma vida............. Daí ? me SENHOR a vossa graça para que possa honrar a minha farda e renovar diariamente perante vós, o juramento de defender a sociedade mesmo com o risco da própria vida................

réplica

comentário marco sino - empresário | 14/01/2011 às 13:46 | Responder a este comentário

Bem Sr Sd Pm Fabricio, os fatos falam por si só... Dá uma lidinha na notícia abaixo, publicado no jornal JURID de 13.01.2011. Tem que colocar "freio" em vcs mesmos ou não tem? 13.01.2011 O Estado do Rio Grande do Sul foi condenado pela Justiça a indenizar familiares de mestre-de-obras confundido com ladrão de automóveis e morto a tiros em uma perseguição por policiais da Brigada Militar. A decisão é da 9ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul. Segundo a relatora do processo no Tribunal, Desembargadora Marilene Bonzanini Bernardi, não há como afastar a responsabilidade civil do Estado, resultante do agir desmedido e despropositado de seus prepostos, no caso policiais militares, tendo em vista a vítima ter sido confundida com um ladrão de automóveis. "Os policiais agiram imprudentemente, sem a evidência de qualquer necessidade ou reação da vítima, que sequer armado se encontrava, desferiram dezenas de disparos contra o veículo, vindo um deles, pelo menos, a ferir mortalmente um líder comunitário e trabalhador", diz o voto da relatora. Com meus devidos respeitos aos POUQUÍSSIMOS mas bons policiais civis e militares.

réplica

comentário marco sino - empresário | 14/01/2011 às 14:04 | Responder a este comentário

Sr Sd Pm Fabrício, primeiramente eu não tenho que calar a boca pois tenho o direito constitucional de expressar minha opinião em qualquer assunto. Mas o senhor não deve saber disso pois não estudou, não tem certamente... Em segundo lugar, quando a polícia defende o cidadão, não está prestando nenhum favor especial a ele. A polícia tem o DEVER de fazê-lo sob pena de cometer o crime de OMISSÃO se não o fizer. Em terceiro lugar, o seu comentário é apaixonado, sem nível, pois o Sr sabe que o que eu comento é verdade, ou o Sr é cego, surdo e mudo? - O Sr não tem conhecimento do que acontece nas ruas por parte de seus colegas e quem sabe do Sr mesmo? Quanto a minha classe que o Sr diz não fazer nada, saiba que é ela que gera empregos e sustenta com os pesadíssimos impostos os salários de tds vcs. Fica com Deus, até nunca!

réplica

comentário Sd Pm Fabricio - POLICIAL MILITAR | 14/01/2011 às 18:35 | Responder a este comentário

Seu comentario Sr Marco Sino é na verdade mais uma grande besteira que sr deve estar acostumado a falar......... Quanto ao nivel de estudo não que seja da sua conta mais sou formado em Gestão de Segurança Publica alem de estar no quanto ano de DIREITO e o Sr é formado em que?.............. E é claro meu comentario é verdadeiro e apaixonado mesmo amo o que faço.......... Acho que o Sr e sua "classe" não só gera empregos como tambem financia o tráfico de drogas pois no minimo o Sr deve usar intorpecentes para falar tantas asneiras "as vezes é melhor mesmo ser cego e mudo".......... São pessoas como o senhor que fazem parte de uma minoria que tenta desmoralizar uma corporação e as pessoas que a representa e que como o Sr diz tem o dever de zelar por sua vida mediocre sem importancia para a sociedade......... Felizmente o Sr é minoria

réplica

comentário marco sino - empresário | 15/01/2011 às 01:03 | Responder a este comentário

Bem Sr Sd PM Fabrício, não desejo mais alimentar um papo com alguém como o Sr . Mas para encerrar de uma vez por todas eu só perguntaria uma coisinha ao Sr: com toda essa formação que diz ter o Sr não consegue passar de soldadinho? - kkkk... E só prá te dar umas dicas de português a palavra "comentario" não existe na lingua pátria e sim "comentário", a palavra "nivel" tb não mas sim "nível", bem como a palavra "alem" mas sim "além", e ainda "intorpecentes" mas "entorpecentes"... e por aí vai... Ah, deixa eu te lembrar uma coisa ainda, sabe quando que o Sr vai passar no exame de ordem com esse seu nível? eu sei: nunca. então vai se conformando de ficar soldadinho o resto de sua vida, ou enfia a cara nos livros pois tá precisando e muito. Bye!

réplica

comentário Sd Pm Fabricio - Policial Militar | 16/01/2011 às 09:16 | Responder a este comentário

Caro Sr. Marco Sino descobri que além de empresario o senhor ainda é professor de língua portuguesa. Confesso que com minha indignação pelas besteiras que o senhor fala acabei não me atentando com as regras de acentuação mais isso ocorreu por pura e única indignação. Mais vou abordar outro ponto o senhor se atentou em corrigir a falta de acentuação por mim cometida mais não se defendeu e nem tão pouco questionou uma única vez quando eu disse que sua classe alimenta o tráfico e que o senhor no mínimo tem algo a dever já que odeia tanto a policia. Não se preocupe com meu exame da ordem assim que terminar meu curso de direito com certeza irei fazer um curso de letras pois mesmo como "Soldadinho" e com meu soldo consigo fazer tudo isso e a pergunta que fiz ao senhor? Qual é a sua Formação?

réplica

comentário marco sino - empresário | 16/01/2011 às 17:37 | Responder a este comentário

Sr Sd PM Fabricio, não entendi bem o que Sr quis dizer com isso. Quer dizer que quando o Sr se indigna fica burro? Eu não acho que seja isso não, é ignorância mesmo da matéria. Vamos a mais um exemplo extraido de seus "comentarios": o termo "mais" em português é advérbio de intensidade "mas" é conjunção. então o Sr diz: "Mais vou abordar outro ponto..." quando o correto seria "mas". Quer mais? então vamos lá. Ainda no seu "comentario" o Sr diz: "...mais (!) isso ocorreu por pura indignação." não foi não, foi por burrice mesmo. Bem quanto a dever alguma coisa, devo sim, conta de luz de água, fornecedores, salário de funcionários, ...etc. Agora não tenho problemas com drogas, nem as lícitas e tampouco com a justiça. Mas olha, eu creio que você seja do bem e digo-lhe que eu tb sou. Apenas compartilho uma visão diferente do Sr a respeito do tema. Devo, outrossim esclarecer a todos que aqui postam que eu não tenho nada contra os POLICIAIS CIVIS E MILITARES do bem, e sim com a alcunhada "banda podre". Com isso não quero dizer que morro de simpatia pela classe, mas convivo numa boa, chegando até ter alguns no meu círculo de amizade. Então Sr Sd PM Fabrício, desejo de coração terminar com essas farpas, desejando que o Sr seja um bom profissional naquilo que faz. Só o Sr sabe se é ou não, a consciência é tua. Elogio a garra e a lealdade com que o Sr defende a classe. Prova da tua sinceridade de propósitos. Imagino que o Sr seja ainda bem jovem, e espero que o Sr faça um bom curso de Direito e venha para a classe dos advogados da qual eu tb faço parte embora não exerça. Quem sabe um dia nos conheceremos e vamos rir a pampa dessas bobagens. Felicidades!

réplica

comentário Débora Nicoleit - Advogada | 21/01/2011 às 12:50 | Responder a este comentário

Marco Sino, já que vc gosta TANTO da língua portuguesa escrita corretamente vou te auxiliar em alguns erros cometidos por vc : extraído, e não extraido; língua, e não lingua. Não corrigirei os erros de pontuação pois teria que transcrever todos os seus comentários, peço desculpas. Faço isso não porque acho que vc não saiba escrever corretamente ou seja um "burro" mas para que você veja que até aqueles que se julgam inteligentes e superiores cometem erros. Inteligência provavelmente não é o que lhe falta; o que lhe falta é sabedoria, educação, humildade e respeito. Lastimável, independente do seu ponto de vista. Agradeço por vc não ser um policial, juiz , defensor público ou promotor. Que Deus te ilumine e te transforme em um Ser melhor.

réplica

comentário Adriano Respondao - Juiz de Direito | 24/01/2011 às 13:16 | Responder a este comentário

Essas palavras só podiam vir de um PMzinho despreparado e ignorante que sem dúvidas deve ser infeliz com o que faz e insatifeito com salário. Caso fosse um profissional preparado jamais faria abordagens nas ruas... Estaria em um escritorio ou gabinete, feliz da vida ganhando muito dinheiro e ajudando as pessoas. Apenas cumpra o que determina a lei, sob pena de ser punido seu rídiculo, frustado.

réplica

comentário marco sino - empresário | 02/02/2011 às 13:39 | Responder a este comentário

Sra Débora Nicoleit, fique à vontade para continuar me auxiliando corrigindo todos os erros de português que detectar em meus comentários. Mas faz uma coisa antes: auxilie a vc mesma e corrija os teus primeiro, cometidos no seu comentário abaixo pois como advogada atuante vc sim, precisa mais da norma culta do que eu. Então veja: "...Tem que bater na porta antes de entrar na residencia (não seria: residência?)ou pedir licença para(...) a velocidade permitida no transito...(não seria "trânsito"?) (...)Temos que armar e preparar tecnicamente ( não seria "técnicamente" ?) nossos policais (não seria "policiais"?) (...) tem que parar, levar a multa e ir embora (nem que seja de taxi,... (não seria "táxi"?) (...) ou quer que o policial te acompanhe até em casa pra ( não seria "prá" ?) perguntar (...)Tem médico, farmaceutico, (não seria "farmacêutico"?) quimico, (não seria "químico"?) engenheiro, advogado, professor, empresario (não seria "empresário"?). Fala sério!!!

réplica

comentário Hélio da Penha - motorista | 12/10/2011 às 14:17 | Responder a este comentário

policial-policial concordo que maos na cabeça e maos na cabeça , e ja tive sorte com policial , digo muito claro sorte , porque a maioria infelizmente pensa q ser Pm e ser truculento, qdo terminar uma abordagem n e o cidadao dizer q ama e sim voces se desculparem por se acharem na obrigaçao de ter atitudes de verdadeiros animais , qdo principalmente descobriu -se que seu salario e parte vinda do cidado que abordou e se manteve sereno. Sabe Policial policial que ns e identifica , na abordagem não tem como o senhor tambem entender que o abordado pode n s er um inimigo. O que concluo e que na sua profissao n sua forma d e justificar , para se achr umbom policial troca a inteligencia por seu medo, pq tamanha arrogancia e apra disfarçar seu temor , seje mais sensato que dimuira seu temor , outroque de profissao antes que pensando que agindo para proteger a sociedade cometa uam besteira e estrague sua vida.Na verdade vc tem um perfil muito bom para ser justiceiro ou fazer parte d amilicia no Rio de Janeiro, pq,personaliza a lei, na foram d ePolicia, pense no que dissse, se seje um polical eficiente apenas, e o que paenas precisa a sociedade, digo a sociedade , nao os deliquentes.

réplica

comentário Hélio da Penha - motorista | 12/10/2011 às 14:31 | Responder a este comentário

concluindo, você não precisa ser herói, você precisa apenas ser um policial mais equilibrado, até porque heróis tambem tombam, e qto mais em pé permanecer um herói , no caso, melhor para nós todos , e principalm,ente para vc efeciente , efeciente e feciente, voce consegue pq parece que gosta da profissao, por isso não jogue sau carreira fora, faça um acompanhamento psicológico, para aproveitar melhor sua vocação, assim concluo e pense bem no que te escrevi, Policial-Policial,

réplica

comentário Cb Pm zeferino - POLICIAL MILITAR | 07/01/2013 às 09:40 | Responder a este comentário

Marcos as condições adversas e o baixo salário dos polícias no Brasil não demonstra frustações a maioria dos policiais assim como eu tenho orgulho de ter uma profissão tão nobre e linda, infelizmente em nosso país as pessoas dão valor o profissões que não trazem benefícios nenhum a sociedade como jogador de futebol, ator, empresário entre outras que só visam o interesse próprio, o policial representa o Estado e suas ordens deve ser acatadas, infelizmente pessoas como você, que acha que condição financeira porque tem um salário melhor esta acima de uma autoridade constituída pela constituição, te digo que salário não é tudo a pessoa pode ganhar muito bem e ser frustrado, em várias formas como sentimental, familiar, profissional e outras áreas. Na minha opnião como psicólogo e policial militar o senhor sofre dessa frustração de não entender como um policial que ganha pouco pode te colocar na parede e te fazer uma revista, mandar você parar teu carro e entrar nele e revirar tudo e você ter que ficar calado. Tudo isso é recalque porque o polícial tem essa autoridade que constituída por lei de forma legal, porém eu te digo que o polícial estudou pra isso e também tem base jurídica para fazer isso, coisa que um empresário não precisa, para administrar seu negócio, o recalque é que você não tem estudo suficiente para entender, afinal para ser um empresário não precisa estudar muito é só abrir uma loja e vender um produto e torcer para que alguém compre.

réplica

comentário seu nome - sua profissão | 19/06/2014 às 22:41 | Responder a este comentário

És o único que não deve ter a opinião levada em conta aqui, pois juízes são tão ou mais corruptos que policiais(desonestos) ... adoram rechear seus bolsinhos com o dinheiro sujo, manchado de sangue do trafico, além de serem falsos moralistas são soberbos e cheios de si pensam que o universo gira em torno de seus umbigos ...rsrsrs pobres diabos mesmo com todo o dinheiro do mundo não passam de vermes insignificantes, pois honra não se compra...

comentário Andrade - Magico | 08/01/2011 às 07:04 | Responder a este comentário

Alguma Anta que vive cercado de seguranças fez essa portaria..se sou policial e o cara foge meto bala mesmo....Mesmo sendo um juiz ou promotor......Quem nao deve nao teme....

comentário wagner maia - policial militar | 08/01/2011 às 13:41 | Responder a este comentário

Queria apenas citar um fato que ocorreu nos EUA!em uma barreira policial uma velhinha não parou após a ordem do agente que disparou contra o carro atingindo a senhora no peito e que logo veio a óbito.Agora eu gostaria de perguntar se vocês imaginam o que aconteceu ao policial que foi levado a juri popular?eu vou responder "NADA"foi absolvido de sete a zero!!!e porque? por que ela(a velhinha) desobedeceu a lei!e lá nos EUA o policial tem respaldo do Estado para trabalhar!quando o policial dá a ordem é como se fosse o próprio alí mandando parar.Agora pergunto se fosse aqui o que aconteceria ao pobre do policial que quase foi atropelado pela velhinha?RESP:logo de cara seria preso,os canais de notícia cairíam em cima como urubú em carníça,depois iriam aparecer milhares de especialista em segurança pública pra criticar a ação do policial,por fim ele seria expulso,condenado por unânimidade, sua familia seria condenada juntamente com ele pois não receberia nem um tipo de apoio dos Direitos H umanos e passaria a viver em dificuldade.E essa é a realidade de muitos policiais que deram sua vidas pela sociedade e que quando precisaram de apoio ela virou-lhe as costa,não estou falando de bandidos fardados não!!!estou falando de jovens que possuem suas namoras ,esposas,mães ,filhos e amgos e abrem mão dos feriados, finais de semana com a família,vários natais e finais de ano para estar dentro de uma viatura policial arriscando sua vidas enquanto todo mundo se diverte e se alegra com os amigos.Tenho apenas 1 ano e meio de policia mas tenho um irmão que já tem 12 anos e vejo essa realidade de perto,o tempo passa e percebo uma coisas quanto mais passa o tempo mais as coisas ficam difíceis para nós policiais e ficam mais frouxas para quem anda a margem da lei,e enquanto a nossa hipócrita sociedade não reconhecer a importância do professor(outra classe sofrida)e do policial como pessoas responsáveis pela educação e segurança respectivamente o nosso país nunca vai chegar ao patamar dos paíse de primeiro mundo.

comentário nihil - engenheiro | 08/01/2011 às 15:07 | Responder a este comentário

A vida está cada vez mais fácil para bandidos e quase suicida para policiais.
É bom não esquecer que esses bandidos que fogem das blitz, são os mesmos que invadem as casas, estupram as filhas e esposas e roubam os bens das familias, tudo sob o terror de armas nas cabeças.
Que se proiba então, os vidros escuros nos carros, que tanto servem para segurança dos proprietários, como para a dos bandidos.
Bandido bom é bandido morto. A frase não é original mas é verdadeira.

comentário Tadeu - Ex oficial Bombeiro RJ, Médico | 08/01/2011 às 19:55 | Responder a este comentário

Antes de mais nada perabés ao Sd. PM wilker pela lucidez e correção de sua argumentação.Só para analise dos que aqui postam cito algumas situações:recentemente um colega oficial MÈDICO bombeiro foi baleado pelas costas por uma "criança" de 12 anos; em caso de suspeição TODAS as policias do mundo apontam sua arma para o suspeito até que a segurança do agente e outrem esteja garantida; há inúmeros relatos de agentes policiais mortos por não se aterem a esse cuidado; o criminoso não traz distintivo nem se apresenta como tal; apolícia da Inglaterra "usa sim arma de fogo" (GLOCK);atitudes políticas deixaram o Estado do Rio de Janeiro á mercê do crime por mais de 23 anos;a solução para minimizarmos e até evitarmos falhas dos policiais passa por: treinamento intenso e constante, remuneração e jornada condizente e digna, equipamento, desenvolvimento e principalmente aplicação de uma política nacional de segurança que enfrente os beneficiários da corrupção, dos desvios de verba, do superfaturamento, do tráfico de drogas, seres humanos e de influência.
Do combate real ao turismo pedófilo.Enfim que o ESTADO Brasileiro, que tem hoje na figura da Sra Dilma seu maior dignatário tenha atitude e piedade de nós cidadãos de bem.
Ps. Meu Pai aos 74 anos foi assasinado em frente a nossa casa por um tape de carro que foi vendido por R$ 30,00...

comentário PM INDIGNADO - policial | 10/01/2011 às 22:27 | Responder a este comentário

PARABÉNS A TODOS QUE LUTARAM PELA APROVAÇÃO DESTA LEI.....DEUS AJUDE QUE VOCÊS NUNCA PRECISEM DE UM POLICIAL....

réplica

comentário cleiva Baroni - massoterapeuta | 20/01/2012 às 02:10 | Responder a este comentário

qual é a diferença??? policial ou bandido?? so muda o nome....

comentário jrm - Advogado | 11/01/2011 às 10:34 | Responder a este comentário

Devemos lembrar que falsas blits, com bandidos uniformizados de policiais, aterrorizam os cidadãos de bem, daí a real necessidade da publicação dessa portaria.

comentário Mário Duarte de Almeida - Militar reformado | 11/01/2011 às 13:59 | Responder a este comentário

É muito assustador vê essa Porcaria (Digo Portaria) publicado no Diário Oficial da União, dando ao bandido todo direito do mundo. Os autores, o subscritores e os publicadores dessa vergonha, bem que deveriam passar por situações tais como: sequestro, rapto, invasão de domícilio, assalto à mão armada, cárcere privado, violência sexual, roubo de bens (adquiridos com muito suor), incentivação às drogas(Forçado), prostituição de menores (Desde que sejam seus parentes) etc... Se eles sofressem esses abusos por parte da bandidagem, certamente não criariam, não redigiriam , não assinariam e nem publicariam essa porcaria (Digo Portaria), além do mais, desde quando uma Portaria pode sobrepor-se a uma lei? Já existem leis que tratam do assunto nos códigos militar e civil. O que está se implantando no país é uma doutrina Stalinista à moda Brasileira. Cuidado!

comentário Marcos Delacroix - Estudante de Direito e Empresário | 11/01/2011 às 19:57 | Responder a este comentário

"A portaria foi feita em conjunto pelo Ministério da Justiça e a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República"
Porque o Ministério da Justiça em conjunto com a Secretária de Direitos Humanos, Congreso e Senado não se aliam a Presidencia da República e priorizam um salário digno para os Policiais de todo Brasil?

comentário Enio - Advogado | 12/01/2011 às 10:18 | Responder a este comentário

A portaria é de fato polêmica, mas não acredito que apontar este ou aquele ajude em alguma coisa. Acredito que não podemos apontar e generalizar com afirmações no sentido de que todo empresário é bandido e desonesto ou todo policial é corrupto. Desonestidade existe em qualquer profissão, mas devemos lembrar que existem empresários e policiais exemplares, não sendo justo os bons pagarem com a pecha de desonestos pelas atitudes dos maus.

comentário RICARDÃO - auxiliar administrativo | 12/01/2011 às 10:18 | Responder a este comentário

Isso é querer aparecer!!!!!! Na portaria está dizendo o que já existe no ordenamento jurídico, será que não tem o que fazer????

comentário André Lanzac - Policial Rodoviário Federal | 12/01/2011 às 10:27 | Responder a este comentário

A intenção de legislar sobre temas que protejam a sociedade de policiais despreparados ou mal intencionados é sempre bem vinda, desde que dê opções viáveis para o exercício pleno da profissão policial, que não pode ser restringida de inúmeras formas, como vem acontecendo. Seja no tocante ao uso de algemas, à abordagem e revista pessoal, o emprego do etilômetro, a utilização de armas não letais e, neste caso, do uso de armais letais, fica claro que o policial atuante, que faz a diferença, aquele que apreende entorpecentes e prende assaltantes, não encontra muito respaldo para suas ações, especialmente com relação à sua própria segurança. Se tiver que ser atropelado primeiro ou receber um tiro no peito para poder reagir, é melhor se omitir de qualquer ação e evitar riscos. Porque parece que o Poder Público não esta zelando pela segurança de seus profissionais, não tem muito interesse em coibir ilícitos e proteger a sociedade do crime, já que somente deixa os policiais cada vez mais sob restrições de todas as espécies. Precisa ficar claro como o policial deve agir para cumprir a sua função com excelência, porque o que fazem é apenas dizer o que ele não pode fazer. Então, como consequência, os criminosos agirão com mais liberdade e os policiais mais cuidadosos serão omissos e de fraca atuação.

comentário José M. Chaves - Advogado | 12/01/2011 às 11:00 | Responder a este comentário

Se a Polícia dá mole o bandido passa por cima e a sociedade ficará ainda mais aterrorizada e sem proteção. Tá ficando do jeito que o bandido quer. É melhor fortalecer a Polícia com melhores condições para o exercício da difícil missão que ficar ditando normas para regulamentar atitudes policiais que são adotadas no calor da ação, na iminência do perigo. Só quem está diante do perigo tem a capacidade de saber como se protejer.

comentário Mendes Soares - Servidor Público | 13/01/2011 às 00:03 | Responder a este comentário

Apesar de totalmente contra a publicação desta portaria, não a considero totalmente fora de contexto por trazer a obrigação de porte de meios não letais ou menos ofensivos, com o devido treinamento, que promovem maior segurança a toda sociedade, inclusive ao criminoso e ao policial. Entretanto é claro que é inoportuna e trata a sociedade brasileira como se fosse baseada em conceitos culturas dos países escandinavos. Temos que lembrar que os servidores responsáveis pela segurança pública têm como inimigo criminosos que em termos absolutos são os maiores assassinos com utilização de arma de fogo do mundo. Muitos foragidos de outros estados da federação são capturados em patrulhamentos do dia-a-dia, e muitos policiais perdem a vida nestas ações, diante desta situação mesmo após a publicação desta portaria não me sinto humilhado ou agredido quando um policial me aborda em um blitz com a arma em punho, pois sei que o faz com o único intuito de evitar qualquer reação e assim preservar vidas.

comentário Sd Pm Fabricio - Policial Militar | 13/01/2011 às 16:37 | Responder a este comentário

Oração do Policial Militar

.


Saio de casa para o serviço; fazei que com que volte são e salvo.

Enquanto protejo outras famílias, por favor, proteja a minha.

Não deixe que uma bala traiçoeira me atinja, nem que eu seja um instrumento para as injustiças.

Nos momentos difíceis, e diante da morte, não deixe que eu caia em desespero.

Sou humano, mortal, às vezes fraco, mas me faça parecer sobre-humano, imortal, forte, a fim de inspirar confiança, esperança e força aos desamparados.

Nos momentos dos meus erros, fique do meu lado, pois todos os demais, por mais pecadores que sejam, estarão contra.

Dai-me força e sabedoria para auxiliar os desesperados, e fé para não desistir diante de uma vida que se acaba.

Auxiliai-me a ser criança para as crianças, pai para os desprotegidos e adulto para os necessitados.

Que o vigor de minhas ações seja sempre em proteção à paz, à vida, aos mais fracos, aos oprimidos e aos humilhados.

Que eu saiba ver a beleza do coração, não da face, da cor, da raça, da religião ou da condição social.

Que os menos esclarecidos compreendam minhas limitações e a complexidade do meu serviço.

Senhor

Amém.

comentário Euller - sociologo | 13/01/2011 às 20:48 | Responder a este comentário

Canalhas, nao é atoa que estamos indo pro caos definitivo, comunistas e irrespons´veis, quem nao tem o menor interesse no POVO, no CIDADAO DE BEM e na familia...covardes, quem destruir o que ainda resta nesta Nação. Queremos uma revolução logo...como se nao bastasse isso aí, ainda tem o tal KIT SEXUALm, que o governo vai lançar nas escolas...uma vergonha mundial...incentivando o sexo entre gays...videos...com meninas beijando e tudo mais....kd o EXERCITO????

comentário VIctor - economista | 13/01/2011 às 20:49 | Responder a este comentário

O pau vai comer!
09/01/2011

Lixo comunita!
Puro lixo do PT et caterva.
Mate um verme destes e va pra o ceu!
E o fim!
Eles querem a destruição da família e depois o direito de estuprar seus filhos e filhas!
Voces podem entrar com uma ação contra a escola que veicular este tipo de propaganda aos seus filhos!

Deus nos acuda!


Alerta aos pais. Brasil vai lançar Kit-Gay nas escolas
No primeiro, o menino Ricardo, ao ver o "piu-piu" de um coleguinha no banheiro, se apaixona pelo dono do "pintinho" e, a partir daí, adota, para si mesmo, um novo nome. Deixa de ser Ricardo, e exige ser chamado de Bianca.
O Deputado Jair Bolsonaro denuncia no plenário e com provas, o "kit-gay", que será lançado pelo governo Dilma no próximo ano letivo para as crianças da faixa dos 7 aos 10 anos de idade. O kit contém entre outras aberrações, dois vídeos com as respectivas historinhas.

No primeiro, o menino Ricardo, ao ver o "piu-piu" de um coleguinha no banheiro, se apaixona pelo dono do "pintinho" e, a partir daí, adota, para si mesmo, um novo nome. Deixa de ser Ricardo, e exige ser chamado de Bianca.

Na segunda história, o vídeo ensina como as meninas lésbicas devem beijar as suas respectivas namoradas, com detalhes por exemplo, até que profundidade a língua de uma deve entrar na boca da outra. Mórbido e inacreditável, mas é a pura verdade, conforme acusa o deputado, brandindo jornais onde a asquerosa notícia foi publicada, inclusive no Jornal da Câmara.
http://www.youtube.com/watch_popup?v=ONfPCxKdGT4

comentário euller - sua profissão | 13/01/2011 às 20:55 | Responder a este comentário

Come quietos nos vamos pra rua...vamos exterminar todos esses seus bandidos...seus comparças...nao vamos admitir....voces destruiram as nossas FFAAs...agora querem destruir a força policial...alegando DIREITOS HUMANOS... mentirosos...c
quais sao os seuis conceitos????nao vamos permitir ( estamso sendo vitimas de assaltos e mais assaltos...a todo o instante...alguem tem que fazer algo...

comentário Asper Souza - sua profissão | 14/01/2011 às 19:12 | Responder a este comentário

Este ex-ministrinho de direitos humanos é o mesmo que apresentou o "plano nacional de direitos humanos" que embaraçou o próprio presidente (que disse que assinou sem ler), com uma série de arbitrariedades e fomento a baderna. Até mesmo alguns mais esclarcidos da chamada "esquerda" icaram assustados com tanta demência. Com mais esta, certamentee vai receber uma série de homenagens por "ter colocado o Brasil na frente dos direitos humanos no mundo" ou coisa parecida, será convidado para proferir palestras e receberá muitos aplausos - da sua turma!!!.
Existe no Brasil, por parte de alguns, uma intenção deliberada de fomentar a criminalidade, eis que, apesar de muitíssimo pouco divulgado, o aumento da criminalidade é julgado por algumas ideologias uma forma válida de "perturbar" a sociedade burguesa, bla, bla, bla. Tudo muito ridículo, patético e infantil. Senhores, não acreditem em pura incompetência. pelo cntrário. É muita competência na promoção de certos interesses.

comentário Luis Quintanilha - comerciante | 14/01/2011 às 23:56 | Responder a este comentário

acredito que esta portaria veio em consequência de um fato ocorrido no RJ onde policiais atiraram em um carro e acertaram uma criança levando-a a óbito e acho que faz mais de dois anos.
Pois bem, a demora do judiciário e do legislativo é tanta que até normas que tem caráter benéfico, são criticadas por elementos que estão dentro do caso como policiais e advogados. O que necessita no Brasil não é criar portarias e sim fazer funcionar as milhares de leis existentes no CP e CPP pois só assim é que os infratores sentirão o peso da espada e começando por cima.

comentário Luis Cesar - Oficial de Justiça Avaliador Federal | 15/01/2011 às 17:57 | Responder a este comentário

Bandido ou cidadão que não obedece ordem de parada de policial, estando ou não armado, deve ser imediatamente contido. Se estiver armado e não largar a arma, o policial deverá analisar qual o uso da força a ser empregado e justificá-la ainda depois??? Acho que, ao invés de um tiro de advertência (que agora está "proibido"), deve-se optar por um tiro na cabeça, que é eficaz e pára qualquer um...
A comissão de Direitos Humanos do Senado deve participar de uma operação nas falevas do Rio e aí dizer que a polícia não deve usar fuzil, que é arma de guerra e, quando houver tiros pelos bandidos, opinar pelo uso moderado da força e qual a melhor, menos letal. Depois fazer a contagem de quantos policiais participaram e quantos bandidos morreram e falar que a "força foi desproporcional ao ataque".
Não existe isto: se são 100 policiais contra um bandido ou não. O fato é que bandido ou cidadão não deve reagir às ordens policiais. Deve cumprir e depois, se o caso, denunciar abusos.
A inversão de valores é tamanha: ninguém respeita mais nada!!!

comentário euller - economista | 17/01/2011 às 21:48 | Responder a este comentário

Muito bem doutores de mentira, somos a TERRA DO HUMANO...não é mesmo, aqui os direitos dos humanos é maior do que em qualquer lugar do mundo...mas, mas que DIREITOS são esses? quem fará jus à esses direitos em drimento do outros humnaos...quem é mais humano? o gay?, o ladrao? o cara que foge? ou o que paga impostos...que trabalha? que produz, inclusive pata sustentar voces e os bandidos humanos????

comentário euler - economista/sociologo | 17/01/2011 às 21:51 | Responder a este comentário

Vamos parar com essa hipocrisia que veio de la de fora...esses conceitos de sociologos ultrapassados...problemáticos...tanto que esta aí o resultado , o grande aumento do banditismo...alguns esatdos laboratorios...como o nosso...vai se estinguir por causa disso...

comentário vitor - pequeno empresario | 17/01/2011 às 21:54 | Responder a este comentário

Ja que a relação emprego de hoje é completyamente diferente, porque ninguem fala em reforma trablhista???

comentário MK - Inspetor de Polícia RJ | 18/01/2011 às 16:14 | Responder a este comentário

No RJ só tem uma saída, o Galeão AIRJ... Estes deputados andam cercados por seguranças fortemente armados, e pior pagos por você.

comentário Débora Nicoleit - Advogada | 21/01/2011 às 12:02 | Responder a este comentário

Gostaria de saber quando que o pessoal dos direitos humanos vai "regulamentar" o modus operandi dos roubos, sequestros, homicídios, etc. O bandido poderá apontar a arma e cometer todos os tipos de atrocidades que cometem, em que momento? poderá atirar no policial ou viatura que o persegue? Tem que bater na porta antes de entrar na residencia ou pedir licença para arrancar a carteira? Na fuga não poderá ultrapassar a velocidade permitida no transito ou passar nos sinais fechados? Tem que falar educadamente com a vítima e respeitar a sua integridade física, assim como não deve assustá-la mostrando a arma? ... Já que esse pessoal dos direitos aos desumanos vive em um conto de fadas, não custa nada a gente dar uma ajudinha!! O que é isso minha gente!? Temos que armar e preparar tecnicamente nossos policais, cada vez mais! E quem não deve não teme; e se teme tem que aprender a respeitar; quem se comporta como bandido deve ser tratado como bandido! Tá com o documento do carro atrasado, tem blitze, tem que parar, levar a multa e ir embora (nem que seja de taxi, ônibus, carona ou a pé!!); são as regras para se viver em sociedade. Se fugir, tem que levar bala mesmo; ou quer que o policial te acompanhe até em casa pra perguntar porque vc o desrespeitou?
Tem policial corrupto e despreparado? TEM. Tem médico, farmaceutico, quimico, engenheiro, advogado, professor, empresario, gari, etc. corrupto e despreparado? TAMBÉM TEM!!! As exceções só servem para confirmar a regra; nossos policiais são grandes profissionais, devem ser tratados com respeito e admiração.
Pega essa regulamentação e leva pro banheiro, se faltar papel já sabe o que fazer!!

réplica

comentário Anonimo aaa - Fulicial | 28/01/2011 às 22:29 | Responder a este comentário

Parabéns Debora, estes pensamentos é que deveriam estar naquela parte superior da cabeça dos juristas, já que a única função do cidadão do bem, é manter o impostometro funcionando a todo vapor, já que quem vive a margem da Lei, não possuem compromisso consigo próprio ou com o próximo - e hoje existe toda uma estrutura para alimentar este lado criminoso, que começa com as familias, MEUS DIREITOS, apoio do Estado - o o "grââ... finali .... ai meu eu sou do Partido falô. Engraçado se aborda alguém cometendo ilicito se apresenta como PULIÇA ai o cabra vai no Ministerio Público --- Corregedoria ...Papado etc e acaba com a carreira do sujeito, agora se fala AQUI É O MANO sômi que vai chumbo, o cabra enfia o rabinho entre as pernas e vai embora -ainda conta historia da aventura.

réplica

comentário marco sino - empresário | 02/02/2011 às 13:43 | Responder a este comentário

Sra Débora Nicoleit, fique à vontade para continuar me auxiliando corrigindo todos os erros de português que detectar em meus comentários. Mas faz uma coisa antes: auxilie a vc mesma e corrija os teus primeiro, cometidos no seu comentário abaixo pois como advogada atuante vc sim, precisa mais da norma culta do que eu. Então veja: "...Tem que bater na porta antes de entrar na residencia (não seria: residência?)ou pedir licença para(...) a velocidade permitida no transito...(não seria "trânsito"?) (...)Temos que armar e preparar tecnicamente ( não seria "técnicamente" ?) nossos policais (não seria "policiais"?) (...) tem que parar, levar a multa e ir embora (nem que seja de taxi,... (não seria "táxi"?) (...) ou quer que o policial te acompanhe até em casa pra ( não seria "prá" ?) perguntar (...)Tem médico, farmaceutico, (não seria "farmacêutico"?) quimico, (não seria "químico"?) engenheiro, advogado, professor, empresario (não seria "empresário"?). Fala sério!!!

comentário edson soares - advogado sp | 27/01/2011 às 00:12 | Responder a este comentário

Acho que deveriam tirar as armas dos policias,alias tirarem os policiais das ruas,e colocarem os deputados,o pessoal dos direitos humanos,eles sim sabem como tratrem esses vagadundos,pois de um lado,tem os deputados,na sua maioria bandidos,e do outro,os direitos humanos,ou seja direito dos manos,isso é uma vergonha,eles deveriam,sim,em se preocupar em aumentar os salarios dos policias,e nao tirarem suas vidas,pois e isso que vai acontecer ,os policias agoram vao abordar as pessoa com um buque de flores,quem vez essa regulamentaçao,no minino tem seus seguranças particulares,isso e uma vergonha para um pais igual o nosso

réplica

comentário Anonimo AA - Fulicial | 28/01/2011 às 22:40 | Responder a este comentário

Edson são pensamentos como o seu que me estimulam e dá esperança de um Brasil melhor, já que realmente conhece o País em que vive. Desejo de todo coração que atinja suba cada degrau profissional seja advogando ou em Setores Públicos e quando lá chegar, mesmo que não consiga grandes feitos, somente a sua temperança em não elaborar LEIS PORTARIAS - EC - Decretos e tantas palhaçadas já seria um grande avanço, fiquei seu fã.

comentário ernani - estudante | 27/01/2011 às 11:30 | Responder a este comentário

Quanta hipocrisia, fomos colonizados por portugueses, escravos e toda corja que não tinham valores em seu país, se tudo isto fosse diferente, estariamos vivendo como nos países de 1º mundo.
Onde a moral e os princípios básicos de educação, são virtudes, hordienamente temos vergonha de sermos honesto, todos nos temos que agirmos conforme o que manda a lei, manda quem pode, obedece quem tem juízo, porém, se dentro das casernas, congresso nacional, senado e assembleia, estão os maiores lideres da podridão, como iremos sermos bons, bondade mesmo somente da mamãe, policial, político, advogado, juiz, ladrão, são "todos" corruptos, um não consegue viver sem o outro.]
os políticos legislam as leis,
os cidadões cumprem ou não,
os policial prendem ou não,
os juizes absolve ou não,
os advogado defendem ou não,
os marginais vivem do sim ou do não,
portanto, não julgamos para não sejamos julgados, no fim será um juízo justo o qual pelo sim ou pelo não, julgará seus atos pelo sim ou pelo não, o qual todos tinhamos obrigação de zelar, a vida de cada um será colocada no livro da vida, onde somente os justos e os bons, terão realmente a vida eterna.
Sofrimento todos passam, porém, virtude somente os tementes a Deus, possuem, procure e conheça a Deus, assim saberá que tudo nessa vida e passageiro, somente o motorista "deus" e quem dirige o certo e o errado.

comentário CARLOS WILKER - policial militar, BA | 27/01/2011 às 12:12 | Responder a este comentário

Ouvir de um deputado federal conhecido meu, que após ele tomar posse seu primeiro projeto de lei será criminalizar o uso de celular na direção de veículo automotor (UTILIZAR APARELHO TELEFÔNICO OU QUAISQUER SIMILAR NA DIREÇÃO DE VEÍCULO AUTOMOTOR, PENA: DE UM A TRÊS ANO DE DETENÇÃO E MULTA. Daí quero ver qual vai ser a reação da maioria deste sacanas que ao invés de colaborar para o combate a criminalidade, instigam o governo a editar normas para impedir a atuação dos heróis, agentes de segurança pública, que dão a vida para proteger os filhos de todos nós, sem distinção de raça, credo, cor de pele, situação econômica e etc...

comentário Geraldo - trabalhador rural | 29/01/2011 às 14:29 | Responder a este comentário

Percebe-se, pelos comentários, o motivo de haver tal portaria. Os policiais além de estarem cometendo vários crimes, ainda acham certo o que fazem. Pesquisem no youtube a quantidade de policiais cometendo abusos depois comentem aí.

réplica

comentário gilvane moises - policial militar | 01/05/2013 às 20:15 | Responder a este comentário

depois veja o tanto de videos de policiais que deram a vida para proteger babacas como vc. acabei de chegar da rua no dia do trabalho, estava trabalhando numa festa, conseguimos recuperar a bolsa de uma moça que foi roubada por um adolescente. e o adolescente ouvido e liberado e saiu dando risadas... queria que a PM do Brasil inteira ficasse 1 mês de greve para esse povinho sentir na pele o quanto vcs precisam da gente. tem policial corrupto? tem. assim como tem professor que pega atestado médico pra fazer compras no shopping, assim como tem pedreiro que rouba materiais da casa do cliente, assim como tem advogado vagabundo que sabe a verdade e conta mentira pra absolver seus clientes, assim como tem trabalhador rural que paga propina pra aumentar o numero de notas fiscais de venda pra poder se aposentar com tranquilidade, assim como tem sem terra que invade a terra, ganha a posse e depois vende e vai invadir outra... daí tudo cai sobre a policia... é só a polícia que ta errada! só

comentário Ivan Coutinho - advogado | 30/01/2011 às 12:31 | Responder a este comentário

Quem deve estar rindo para as paredes deve ser o ilustrado ex-presidente, que muito lutou pelas desigualdades sociais e nos deixou este presente.
Bandido, agora é autoridade. Com direito a escolta e tudo o mais que as autoridades constituidas têm direito. Quanto a nossa segurança, é letra de samba. É prato cheio para nossos intelectuais.

comentário Geraldo Francisco da Silva - BOPE - Bacharel em direito | 03/02/2011 às 11:19 | Responder a este comentário

Estamos em um Estado Democrático de Direito, contudo o que se vê é a total autonomia dada aos criminosos para delinquilir. Policial já sabe muito bem o que deve fazer durante uma abordagem, a lei está preconizada para quem a descumpri-la, quem comete erros, com certeza será responsabilizado por seus atos. Essa medida do governo é perigosa, porque irá restringir às ações policiais, riscos de disparos de armas de fogo para quem não sabe, em sua grande maioria é feita pelos bandidos não pela polícia.

comentário rodrigo henrique - policial militar | 03/02/2011 às 12:35 | Responder a este comentário

e por isso q o brasil nao vai pra frente...
as nossas leis so servem pra beneficiar vagabundos,.

ta ruim ser policial no brasil,. e mas vantagem ser vagabundo,. quer um ex.

ate 17 anos e 364 dias de vida vc pode fazer oq quiser matar, estrupar, roubar etc.
hoje um jovem nao quer saber de trabalhar,. pq tem dinheiro na hora q quiser e so roubar, ate mulher os desgracados tem de sobra pq as meninas de hoje so querem vagabundo,. resumindo o cara faz oq quiser e quando fizer 18 anos o antecedentes criminais dele vai estar assim NADA CONSTA... fala serio,...

agora o policial :

nao e bem treinado

trabalha feito um burro de carga
(24 por 48 = 240 horas de trabalho por mes fora as jornadas extraordinarias)

mal remunerado

mal armados
(existiu situacoes em q senti na pele a falta de equipamentos, ja pensou o vagabundo fik na tua frente cara a cara e dizer tu nao pode atirar,... e devido a isso ele fugir....)

e agora sem ter como se defender,.
"muitos vao falar mas apontar a arma pras pessoas nao pode" fique sabendo q o policial so aponta a arma pra alguem se tiver uma fundada suspeita do individuo, policial nenhum aponta a arma pra qualqr pessoa e se fizer isso e bom aposentar ele como louco..

comentário Davidson - Policial | 10/08/2011 às 08:42 | Responder a este comentário

Não devemos ver com tantas reservas as novas regras, devemos nos adaptar, as policias deveriam buscar formas de preparar seus policiais, deixá-los menos estressados, investir em sua qualidade de vida, e, concientizá-los, prisões não diminuem a criminalidade FOUCALT já dizia "A prisão cria os males que a prisão tem que combater". O que muda é a intervenção social,não tenho problema em respeitar os direitos humanos, se as policiais (principalmente as militares) respeitasses seus agentes, estes também nãopensariam que é um absurdo respeitar os direitos dos infratores. Se fugirem, fugiu, amanhã será um novo dia, uma nova oportunidade, a vida continua. O problema é que não somos treinados, somos adestrados, não somos profissionais, somos pacionais, apaixonaodos pelas ocorrências, ser policial é um emprego, não uma religião, REFLITAM.

comentário luiz - vigilante | 28/09/2011 às 00:05 | Responder a este comentário

olha aqui quando eu sou abodado fico muito ofendido pois nao fiz nada certo que e o trabalho dos policias mais so porque eu tenho a pele mais escura isso nao da o direito deles apontaren a arma para mim ,vou começar a processar todos os que me apontar uma amar pois eu sei dos meus direitos , ou podia ter mais respeito nem todos somos bandidos

comentário Arlindo - Corretor | 23/01/2012 às 10:23 | Responder a este comentário

Infelizmente por conta de abusos de policiasi mal preparados e com problemas mentais, esta portaria se faz necessaria

comentário cleidemar luiz da silva - aposentado(acidente de trabalho) | 20/03/2012 às 20:53 | Responder a este comentário

A LEI NUNCA MUDOU, UM POLICIAL NUNCA TEVE O DIREITO DE APONTAR UMA ARMA PARA UM CIDADÃO, PARA VERIFICAR SE ELE E UM BANDIDO OU NÃO, SEMPRE FOI UMA AMEAÇA DE MORTE. UM POLICIAL TEM QUE TER A CAPACIDADE DE IMOBILIZAR O ABORDADO SEM APONTAR A ARMA PARA ELE A ARMA PODE SER SACADA MAS TEM QUE ESTAR SEMPRE APONTANDO PARA O CHÃO PARA NÃO COLOCAR EM PERIGO A VIDA DE TERCEIRO, A ARMA SO PODE SER USADA SE A VIDA DE ALGUEM ESTIVER SENDO AMEAÇADA, MAS AQUI QUEM AMEAÇA E O POLICIAL, COLOCA O ARMA NA CABEÇA DO CIDADÃO E MANDA DEITAR NO CHÃO COM AS MÃOS NA CABEÇA. NUNCA ISTO ESTA DENTRO DA LEI, MAS NINGUEM VE, AS NOVAS LEIS JA TIRARAM O DIREITO DO CIDADÃO FAZER A SUA PROPRIA DEFESA,TIRANDO A ARMA DA RUA, PROMETENDO QUE A POLICIA FARIA , MAS A POLICIA AO INVES FAZ E AMEAÇAS DE MORTE, POIS UMA ARMA NA CABEÇA DE QUEM NÃO E BANDIDO E UM ABSURDO.

comentário nilde - vigilante | 13/04/2012 às 01:22 | Responder a este comentário

serta vez fuidetida por um policial desequilibrado ,porque eu disse pra ele parar de apontar um revolver p cabeça d uma criança de 12 ano, fiquei muito nervosa por ver aquilo ,ele me jogou dentro da viatura,e me levou p delegacia,e veio osuperior dele e tudo se deu em nada. se a arma dispara nao havia culpado.quem reclamar das restiçoes de abordagem bote o filho na periferia de sao paulo e veja se vc resiste ele sendo abordado por um policial retardado desses.

comentário Wyl de Souza - Estudante e aux de cozinha. | 16/04/2012 às 13:02 | Responder a este comentário

Estava trabalhando em um bico em uma pizzaria na Mooca, e na frente do estabelecimento fui abordado por dois policiais militares (covardes) que apontaram a arma na minha cabeça de forma que de costa contra a parede e com uma vassoura na mão fui humilhado...a policia e pior que o bandido sim e se o governo na tomar uma atitude isso vai sair fora do controle .

O Estado deveria ensinar que não se aponta arma na cabeça de um cidadão de bem.

comentário MARCIO MORAES - GUARDA CIVIL | 19/06/2012 às 10:58 | Responder a este comentário

SE UM DIA A FAMILIA DE ALGUM DELES FOREM FITAS REFENS EM SEQUESTRO RELAMPAGO OU ESTIVEREM DEFRONTE A MIRA DE UMA ARMA,PROVAVELMENTE ESPERAREMOS O PRIMEIRO DISPARO FEITO PELOS MELIANTES PARA FAZERMOS O REVIDE,ESPERO QUE O MELIANTE OU AGRESSOR SEJA RUIM DE MIRA E O TIRO NAO SEJA FATAL.

comentário MARCIO MORAES - GUARDA CIVIL | 19/06/2012 às 11:39 | Responder a este comentário

ISTO E MAIS UM EPISODIO DO FILME IMPUNIDADE BRASILEIRA,COMO OCORRE A TODO O TEMPO,COMECANDO PELOS NOSSOS EXCELENTICIMOS DEPUTADOS,SENADORES E OUTROS DESSA CORJA QUE ROUBA A TODO TEMPO E NUNCA DA NADA,MUITOS AIDA BATE PALMA DANCAM EM PLENARIO ZOMBANDO DOS IDIOTAS QUE OS COLOCARAM LA,ESSES SAO OS PIORES CRIMINOSOS QUE FASEM E VOTAM LEIS MALDITAS FERINDO A NOSSA CONTITUICAO E OS NOSSOS DIREITOS ESSAS QUADRILHA DE ENGRAVATADO AIDA TEM POOR LEI IMUNIDADE PARLAMENTAR,PROVAVELMENTE QUEREM ESTENDER ESTA IMUNIDADE A CATEGORIA MENOR OU INICIANTE,BANDO DE CORJA MALDITA,EU ESPERO QUE ACONTECA COM VOCES O QUE ACONTCE COM O POVO BRASILEIRO TODOS OS DIAS,PAI DE FAMILIA E ROUBADO E MORTO EM SAIDINHA DE BANCO,BANDIDO ABUSA E MATA JOVEM DE 13 ANOS,CASAL E ASSASSINADO APOS ROUBO,E OUTROS MAIS....... POR FAVOR LEITORES DESCULPEM OS ERROS DE ORTOGRAFIA.

comentário Charles - Recife | 14/11/2012 às 04:37 | Responder a este comentário

Certa vêz fui parado por uma viatura militar, mandaram por as mão na cabeça e eu o fiz, só que mesmo obedecendo esta ordem continuaram mirando em minha cabeça enquanto um dos policiais me revistava;
Falei: Aqui só tem pai de família trabalhador e pq vcs continuam mirando arma em nossas cabeças? o que aconteceu, queriam de qualquer forma me incriminar, até embaixo do banco de minha moto, eles olharam procurando algo, mas não encontraram pq eu sou um cidadão trabalhador e não um marginal.
Agora imaginem se alguma arma daquela disparacem acidentalmente? Como ficariam meus familiares? Eu acho que é normal a abordagem policial com arma em punho até que o abordado coloque as mão na cabeça, pq após ele colocá-las na cabeça está muito claro que ele não irá esboçar nenhum tipo de reação.

Esse abuso de poder tem que realmente acabar.

comentário julius - estudante | 16/11/2012 às 21:05 | Responder a este comentário

o abuso de poder tem que acabar.
o abuso do poder militar tem que acabar, vocês podem forcar isso criar regras e leis.
os criminosos também exerce abuso de poder, quem vai obriga-los a parar?
que lei ou regra os abrigará ?

comentário joao - gari | 18/11/2012 às 17:50 | Responder a este comentário

Que pais e esse...?

comentário POLICIAL MILITAR DA BAHIA - POLICIAL MILITAR | 25/11/2012 às 11:51 | Responder a este comentário

COMPANHEIROS DE FARDA,VAI MINHA OPINIÃO;O BANDIDO POR MAIS CRUEL QUE ELE SEJA,QUANDO ESTIVER DIANTE DE UM JUIZ,O JUIZ VAI TRATAR ELE COM RESPEITO,E UM POLICIAL QUANDO ESTIVER DIANTE DE UM JUIZ PARA SER JULGADO POR MAIS OPERACIONAL QUE SEJA O JUIZ VAI TRATAR ELE COMO SE FOSSE UM MARGINAL FARDADO TALVEZ ATÉ CHAMA-LO DE VAGABUNDO...PENCE NISSO.

comentário novato - ainda nao sei | 31/12/2012 às 14:09 | Responder a este comentário

gente os ladroes matam muito mais do que a policia ,eles matam por r$10,00 reais ai um policial corre atraz dele, correndo o risco de tomar um tiro tb ,manda o fulano parar ele nao para, e pega outra vitima para refem ,ai o policial tem que decidir entre o refem que talves seja um pai de familia trabalhador ,ou o ladrao que se sair dessa situaçao ileso vai continuar matando e roubando o policial atira no ladrao,os direitos humanos junto com a populaçao vao contra o policial resumindo o ladrao pode matar roubar ou ate mesmo estuprar que vai ter um advogado de defesa para ele e no caso do policial vai ter que ficar afstado por um determinado tempo pq tirou das ruas um marginal que nao tem amor por ninguem e tira uma vida por nada nao sou policial mais respeito mto tds de tds as categorias se nao deve entao pq foges da policia parabens a tds os policiais continuem fazendo seu papel mesmo pq os que criticam vcs sao os primeiros a se lembrarem de vcs na hora em que estao sendo assaltados ironico isso ne !!!!!!!!!!!!!!

comentário joao luiz - militar | 15/01/2013 às 13:58 | Responder a este comentário

Isso é porque só estão matando policial. Vamos cruzar os braços e deixar que matem juiz politico advogado e aí teremos leis severas ou pelo menos o cumprimento imediato das que já estão de bengala. Minha opinião é que este País sempre foi a casa da mãe joana, paraíso dos corruptos, berços dos que só querem se dar bem.

comentário cleber - policial | 15/01/2013 às 14:41 | Responder a este comentário

Acho que a sociedade já tem instrumentos demais para controlar as polícias. Em suas searas internas as corregedorias das policiais são as mais severas se comparadas até às inerentes a esferas de poder. Os policiais são submetidos a tantos procedimentos tanto no campo criminal quanto disciplinar. No âmbito da Policia Militar os deslizes disciplinares não são tolerados, todos sabem que a disciplina é rígida. Acho que a portaria somente corroborará para a inércia dessas instituições que bem ou mal são as que costumeiramente socorrem a sociedade em seu infortúnio e na sua esperança de um dia viver a tão sonhada paz social.

comentário sgt cleiton - policial militar- bacharel em direito | 23/01/2013 às 02:14 | Responder a este comentário

kkkkk........não consigo entender por que tanto estardalhço em relação a esta "normatização" a cf/88 diz ,todos são inocente ate que se prove o contrario. eu digo todos são culpados ate que me provém o contrario , mas, em monento algum procuro agir fora da lei , procuro imagianr sempre que todos "podem" ser inocentes "podem" por que o policial sem tem que estar atento a todas as possiveis situações anormais em qualquer abordagem, então; só ele , policial, saberá como agir ou reagir e tenho certeza .terá conciência de seus atos .

comentário operacional - Técnico em Automação Industrial | 24/04/2013 às 23:09 | Responder a este comentário

Cidadãos, militares e políticos, todos querem ter razão, pois todos os lados, sofrem os danos de tudo isso. Não podemos esquecer que todos nós estamos sucetíveis a erros, e o que não podemos admitir,são os abusos de ambos os lados. Vemos bandidos atirando em policiais com extrema violência, eles se defendem como podem e todos os dias são vítimas fatais. Precisam estes policiais estarem preparados. Estes são homens de linha de frente, já estão tão traumatizados, que a qualquer momento vão virar alvo, pricipalmente em incursões em localidades.
Temos outro tipo de situação que fazer blitiz no intuito de verificar se o cidadão esta cumprindo a lei, se esta com documentos atrasados, sem cnh alcolizado, drogado, fazendo os chamados pegas, trnasportando algo sem nota fiscal ou outros pequenos delitos , aí sim, devemos ter policiais treinados para lidar com este tipo de delitos; onde os policiais devem abordar o cidadão com cuidado, mas com toda edudcação, sacar armas e apontar fuzil como se vê,isso não
Muitas vezes vemos militares que pertencem ao comando do interior onde ficam em postos policiais para pequenas ocorrências. sendo transferidos para batalhões de combate a guerrilha urbana, onde se misturam tornando verdadeiras máquinas de matar ou morrer, e posteriormente são novamente devolvidos aos seus antigos locais de trabalho. "você já viu com chegaram de volta ao País os pracihas: a sua maioria neoróticos e querendo lutar, ou fugindo. Então policiais que vivem durante muito tempo este tipo de guerra, jamais voltarão os seu antigos postos normais.
Temos que ter policiais aptos lidar com pequenas infrações da população, tendo o cuidado na abordagem do cidadão, mas com atenção suficiente para não ser alvo bandidos. Estes homens sim tem de ter treinamento especial para poder atuar junto a população normal.
Na realidade também temos que ver
a questão da economia,trabalho,educação,empregos. A educação, pessoal anda muito à quem, a maioria das famílias deixaram a disciplina aplicadas aos filhos de lado, nós desde cedo devemos ouvir nossos pais e respeitá-los, não tenho visto nada disso, nossos adolecentes ao inves de ir ao cinema, vão pra casa de amigas ou amigos, poucas satisfações são dadas e ta tudo bem, hora uma grande nação é feita de estudo trabalho e disciplina(não maus tratos, mas desde cedo mostrar que tudo na vida tem um preço e responsabilidade). o caus familiar hoje é visível, e a família é a célula mater da socie dade. então como podemos ter bons cidadãos e policiais se entramos para a sociedade sem saber o que é família.

A nação precisa se reavaliar para ter bons cidadãos. A adminstração da nação é que é a grande cupada, durante anos fomos vilepudiados e nossas famílias muitas vezes faliram por motivos como não conseguir trabalho digno para sustenta-los. Agora aturem o câncer moral.

comentário luiz nascimento - militar | 13/05/2013 às 19:07 | Responder a este comentário

Que seja a verdade nua e crua e doa a quem doer porque ao perguntar-mos em praça pública em alto e bom som: O que voces acham de nossos policiais? As respostas certamente não serão as esperadas com o respeito que deveria ser, serão de deboche , de inconformismo, de indgnação, já para quem tem o dever de agir, de atuar em prol da segurança pública, as respostas certamente serão hipócritas, escusas, demagogas, enfim, as fundadas na veracidade da realidade dos fatos,dos atos, serão contestadas com tanta viemência pelos Poderes do Estado que se tornarão uma mera opiniao causal e inoportuna diante do imperialismo e blindagem política, pois os fins justificarão os meios, estes se preocupam com sua integridade e dignidade dos seu pares e parentes. O resto é resto, inclusive para os que propõe a morrer no exercício legal da profissão sem amparao, sem salário justo ou pelo menos compativel a dignidade da pessoa humana. leiam o preambulo de nossa CONSTITUIÇÃO DE 1988 E ENTENDAM SUA ESSENCIA FILOSÓFICA MESMO QUE SEJA UMA UTOPIA

comentário goianao - vigilante | 14/06/2013 às 16:40 | Responder a este comentário

esse brasil com esses leis idiotas esses idiotas do pt, que nao fazem lei para o cidadao de bem,esses babacas desses juizes nesses escritorios com ar-condicionado que julgam mal pra caramba,mas copiar a lei dos estados unidos,enquanto nos copiarmos essas leisvamos fazer justiça com as proprias mãos,chega de passar a mao na cabeça principalmente de assassinos covardes e traficantes de drogas,esses sim provocar quase toda a violencia do país

comentário carlos d ew g.batista - perito | 19/06/2013 às 17:25 | Responder a este comentário

eu acho que os policiais deveriam respeitar mais os cidadão de bem pois eles usam do seu póder para intimidar as pessoas como eu fui vitima de um policial militar q nao gostava de mim que queria me prender por trafico eu tive que exercer a profisao de perito para\ q pudesse penalizalo pois antes a JUSTIÇA não tomou nenhuma providencia e ainda ele me perceguia

comentário carlos d ew g.batista - perito | 19/06/2013 às 17:39 | Responder a este comentário

agora sobre o movimento eu acharia que nos deveriamos aproveitar e não so falar de tarifa de onibus -= vamos brigar pela diminuição da maioridade para 12 anos vamos brigar paqra que traficante -estrupador e homicidios e latrocinios e todos os crimes ediondos pena de morte pois vcs jaq pararam pra a consequencia de uma mulher seja ela moça ou de meia idade que foi estrupada como sera a sua vida nao tem prisao que pague e q acontece hj o cara estrupa sica 2 anos na cadeia e a vitima o resto de sua morta pense se fosse suia fiha ou esposa

Deixe sua opinião!

Evite ofensas pessoais, o ofendido poderá localizá-lo através do IP de seu provedor.









O Jornal Jurid pertence à Jurid Publicações Eletrônicas