Autenticação do Usuário
E-mail
Senha
Esqueci minha senha

Ainda não tem seu Perfil Jurid??
Cadastre-se
Jornal Jurid
pesquisa

Quinta Feira, 24 de Julho de 2014 | ISSN 1980-4288


Plano de saúde paga indenização a consumidor por cobrar mensalidade depois do cancelamento do contrato

A seguradora deverá indenizar moralmente em R$ 3 mil reais o cliente que teve seu nome inscrito em cadastros de inadimplentes em razão de cobrança indevida

Fonte | TJDFT - Segunda Feira, 30 de Julho de 2012





Mesmo depois de ter cancelado o plano de saúde que havia contratado com a Aliança Administradora de Benefícios de Saúde, um consumidor continuou sendo cobrado a pagar as mensalidades do plano. Chegou a pagar uma a mais, mas parou de fazê-lo e acabou tendo o seu nome incluído no cadastro de proteção ao crédito.


Ele entrou com um processo no 2º Juizado Especial Cível de Brasília, e acabou recebendo o direito de receber o valor pago de volta, R$ 698,04, e mais R$ 3 mil a título de indenização por danos morais, com juros legais e correção monetária pelo INPC. Derterminou ainda a imediata exclusão da "negativação" do nome do autor do cadastro de proteção ao crédito.

 

Processo nº 2012.01.1.061263-6



Palavras-chave | indenização, danos morais, cobrança indevida, plano de saúde, consumidor

Deixe sua opinião!

Evite ofensas pessoais, o ofendido poderá localizá-lo através do IP de seu provedor.









O Jornal Jurid pertence à Jurid Publicações Eletrônicas