Autenticação do Usuário
E-mail
Senha
Esqueci minha senha

Ainda não tem seu Perfil Jurid??
Cadastre-se
Jornal Jurid
pesquisa

Segunda Feira, 28 de Julho de 2014 | ISSN 1980-4288


Mais de 18 mil presos sairão em SP

Tornozeleiras eletrônicas monitorarão presos na saída temporária

Fonte | Jornal Jurid - Terça Feira, 21 de Dezembro de 2010





Cerca de 18 mil detentos serão beneficiados com a saída temporária de Natal e Ano Novo, em todo o estado, entre os dias 23 de dezembro e 03 de janeiro.


De acordo com informações da Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) do Estado de São Paulo, a novidade deste ano será o monitoramento dos presos por meio das chamadas tornozeleiras eletrônicas. O preso que não retornar à carceragem na data estipulada pela justiça será considerado foragido e perderá o direito do regime semiaberto. A tecnologia, que foi autorizada judicialmente, deverá se aliar ao trabalho da polícia e da Justiça para tentar controlar os passos dos detentos enquanto estiverem fora.


Por enquanto, apenas 4.635 do montante passarão por este monitoramento.


Segundo informações da própria polícia, o final de ano é uma época propícia para as atividades do Primeiro Comando da Capital (PCC), que acaba recrutando, antes das saídas, detentos para eventuais tarefas criminosas, como por exemplo ataques a órgãos públicos e bases policiais.


Em 2009, quando ainda não havia o monitoramento eletrônico, dos 23.331 presos beneficiados, 1.985 não retornaram à detenção, o que representa 8,51% do total, de acordo com a SAP.


A lista abaixo mostra os presídios onde os presos serão monitorados:

 

Grande São Paulo

Centro de Detenção Provisória I do Belém - 201

Centro de Detenção Provisória II do Belém - 145

Centro de Detenção Provisória de Santo André - 69

Centro de Progressão Penitenciária de São Miguel Paulista - 68

Penitenciária Feminina de Sant'Anna - 147

Penitenciária Feminina da Capital - 66

Penitenciária Feminina do Butantan - 683

Subtotal - 1.379

 

Região Noroeste

 

Penitenciária de Araraquara - 43

Penitenciária de Marília - 450

Penitenciária I de Reginópolis - 416

Penitenciária II de Reginópolis - 376

Penitenciária de Avanhandava - 120

Centro de Ressocialização Feminino de Araraquara - 30

Centro de Ressocialização Masculino de Araraquara - 76

Centro de Ressocialização Masculino de Lins - 39

Centro de Ressocialização Masculino de Marília - 50

Centro de Ressocialização Masculino de Ourinhos - 50

Subtotal - 1.650

 

Região Oeste

 

Penitenciária I de Mirandópolis - 135

Penitenciária de Presidente Prudente -165

Penitenciária de Lucélia - 40

Centro de Progressão Penitenciária de Valparaíso - 205

Centro de Progressão Penitenciária de Pacaembu - 205

Centro de Ressocialização Masculino de Araçatuba - 038

Centro de Ressocialização Masculino de P. Prudente - 45

Centro de Ressocialização Masculino de Birigui - 45   

Subtotal: 878

 

Região Central

 

Penitenciária de Casa Branca  - 150

Centro de Ressocialização Masculino de Limeira - 74

Centro de Ressocialização Masculino de Mococa - 206

Centro de Ressocialização Masculino de Mogi-Mirim - 118

Centro de Ressocialização Feminino de Piracicaba - 180

 

 

Nota de retificação:

A palavra indulto havia sido utilizada de modo incorreto na presente publicação. O indulto é o perdão definitivo das penas. É diferente das saídas temporárias, nas quais os presos recebem autorização para sair da prisão em datas festivas, como dia dos Pais ou Natal, mas precisam retornar aos estabelecimentos penais.

 



Palavras-chave | saída temporária, presos, monitoramento, semiaberto, tornozeleiras eletrônicas

Comentários

comentário Leopoldo Luz - advogado | 29/12/2010 às 16:18 | Responder a este comentário

Será que é só minha impressão ou é real que a criminalidade aumenta nos finais de ano, especialmente o furto de casas com arrombamento?

Deixe sua opinião!

Evite ofensas pessoais, o ofendido poderá localizá-lo através do IP de seu provedor.









O Jornal Jurid pertence à Jurid Publicações Eletrônicas